Beatles: por que Paul McCartney odiava a fase da banda antes do Sgt. Pepper's?

Segundo o ex-beatle, o álbum de 1967 "transformou os meninos em homens"

Redação Publicado em 05/01/2021, às 12h51 - Atualizado às 12h56

None

O álbum Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band, dos Beatles, lançado em 1967, é considerado uma obra-prima musical e um marco na história do grupo. O trabalho elevou a musicalidade dos fab four a um outro nível e, segundo Paul McCartney, "transformou os meninos em homens". 

De acordo com artigo do site inglês The Express, Paul McCartney odiava a fase dos Beatles pré-Sgt. Pepper's e, justamente por isso, inventou as novas identidades que moldaram os quatro integrantes no 8º álbum de carreira do grupo.

"Foi uma ideia que tive. Eu estava voando de Los Angeles para algum lugar, acho, e pensei que seria bom perder as nossas identidades e mergulhar nas personalidades de um grupo falso", revelou McCartney em uma entrevista em 1994. 

+++LEIA MAIS: Beatles: qual música fez Paul McCartney 'machucar' John Lennon por tê-la gravado sozinho?

O ex-beatle continuou: "Estávamos fartos de sermos os Beatles. Nós realmente odiávamos aqueles p*rras de quatro garotinhos. Não éramos mais meninos, éramos homens. Então, tudo se foi, toda quela m*rda de meninos, toda aquela gritaria que não queríamos mais". 

Ainda no assunto, Sir Macca contou que, naquela época e naquele exato momento da carreira, o grupo se considerava artistas e não somente performers.

"Foi isso. No avião, eu tive essa ideia de não ser mais nós mesmos. Eu disse: 'Vamos desenvolver alter egos para não ter que projetar uma imagem que já conhecemos", finalizou. 

Obviamente, a ideia McCartney funcionou. Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band mostrou ao mundo uma nova face dos Beatles, muito mais madura musicalmente e esteticamente. O álbum se tornou um sucesso e vendeu mais de 32 milhões de cópias até o momento. 

+++LEIA MAIS: Paul McCartney acredita que espírito de George Harrison está em árvore - e conversa com ela

Em 2020, Paul McCartney lançou o 18º álbum solo de inéditas, McCartney III. O disco foi tocado e gravado inteiramente pelo músico durante o período de isolamento social causado pela pandemia do coronavírus.


+++ CYNTHIA LUZ | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL