Beyoncé reflete sobre a família, música e feminismo em vídeo retrospectivo

“Yours and Mine” celebra o aniversário de um ano de lançamento do álbum surpresa dela

Rolling Stone EUA Publicado em 12/12/2014, às 17h17 - Atualizado em 13/12/2014, às 15h40

Beyoncé e Jay Z

Ver Galeria
(11 imagens)

A cantora Beyoncé compartilhou um vídeo de retrospectiva cheio de emoções chamado “Yours and Mine”. A ideia é comemorar o aniversário de um ano do aclamado álbum Beyoncé (2013). O curta de 11 minutos apresenta a cantora refletindo sobre a beleza do feminismo, as desvantagens da fama, a importância de perseguir as paixões criativas e falando das maravilhas do casamento com Jay Z.

Galeria: dez maneiras inusitadas de se lançar um disco.

“Às vezes eu só quero ser anônima e sair andando pelas ruas, como qualquer outra pessoa”, narra Beyoncé na abertura do vídeo. “Agora que sou famosa, é muito, muito, difícil fazer coisas muito simples. Acho que essa é a coisa mais difícil de abrir mão, mas minha mãe sempre me ensinou a ser forte e nunca ser vítima, nunca dar desculpas, nunca esperar que outra pessoa faça por mim algo que eu sou capaz de fazer por mim mesma. Tenho sonhos e sinto que tenho um poder para transformá-los em realidade.”

VMA 2014: Beyoncé é homenageada e faz apresentação memorável.

As sobreposição de imagens vai se tornando mais dramática, incluindo cenas de carros pegando fogo e da cantora em um íntimo passeio de carro com Jay Z. “Cresci com uma série de conflitos e traumas e passei por muita coisa, como qualquer pessoa”, diz ela. “Minha válvula de escape sempre foi a música, e sou muito grata de esses ser meu trabalho”, segue. “Mas se eu tivesse alcançado todas essas coisas e não tivesse ninguém com quem compartilhar, não valeria de nada. Você sabe que precisa de algo real para fazer com que essas coisas tenham significado. Você tem que ter algo que é para sempre, algo que é invisível.”

A carreira de Beyoncé em fotos.

Beyoncé encerra o vídeo resumindo todas as coisas importantes na vida dela e enfatizando que ela “não tem mais medo do desconhecido.”

Assista abaixo.