Billie Eilish sente saudade de mosh pits em seus shows: ‘Uma vez criei sete’

Em entrevista, Billie Eilish comparou mosh pit com sentimento de liberdade, anonimato e, ao mesmo tempo, solidão

Itaici Brunetti Publicado em 05/08/2021, às 11h11

None
Billie Eilish (Foto: Emma McIntyre/Getty Images)

Billie Eilish não vê a hora de lotar concertos ao redor do mundo para apresentar as novas canções de Happier Than Ever, segundo álbum recém-lançado da estrela de 19 anos. Mas, de acordo com a cantora, ela também sente falta dos mosh pits que criava em seus shows pequenos no início de carreira. 

Em recente entrevista ao site The Irish Times, Billie Eilish falou sobre liberdade, anonimato, se sentir sozinha e usou o exemplo de mosh pits para explicar o sentimento de sua solidão. Para ela, participar do ato conhecido também como roda-punk, ou pogo, em shows é estar rodeada de pessoas e, ao mesmo tempo se sentir só e liberta.   

+++LEIA MAIS: Pandemia de covid-19 fez Billie Eilish adiar aposentadoria precoce; entenda

"Mesmo que haja muitas pessoas ao seu redor em um mosh pit, você está sozinha. Ninguém sabe quem você é. Isso é o que eu realmente amava nos shows. Sinto falta dos mosh pits," afirmou a dona dos hits "Bad Guy", "Lost Cause" e "Therefore I Am." 

Ainda no assunto, Eilish disse que sente saudade de quando conseguia criar mosh pits em seus shows no início de carreira. Depois que a fama chegou e suas apresentações deram um salto ornamental de pequenas casas para enormes arenas e estádios, ela não conseguiu mais criar mosh pits. 

+++LEIA MAIS: Billie Eilish não está feliz com o próprio corpo: ‘E quem está?’

"Uma vez criei sete mosh pits em um show," afirmou a cantora orgulhosa e empolgada, mesmo que alguns de seus fãs jovens não sabiam o que fazer no momento.

As informações são do The Irish Times. 


+++ FIUK: 'TENHO ROCK NA VEIA DESDE CRIANÇA' | ENTREVISTA | RS