Billy Corgan prepara autobiografia com “sexo, drogas e rock and roll”

Vocalista do Smashing Pumpkins também confirma que a banda começará a trabalhar em novo disco

Redação Publicado em 06/09/2012, às 10h46 - Atualizado às 11h52

Billy Corgan
Reprodução/Facebook Oficial

O Smashing Pumpkins lançou o disco Oceania em junho deste ano e o líder (e único remanescente da formação original) Billy Corgan já está pronto para outra. Desta vez, em dose dupla. O vocalista confirmou à Billboard norte-americana que prepara uma autobiografia e um novo álbum.

Estrela solitária: a redenção improvável de Billy Corgan, o último integrante original do Smashing Pumpkins

Corgan prefere definir a autobiografia como um “livro de memórias espirituais”, apesar de conter bastante “sexo, drogas e rock and roll”, sem dar mais detalhes.

Já o próximo álbum será o nono da carreira da banda, e o vocalista já pensa em uma previsão de lançamento: dezembro de 2013. “É realmente ambicioso porque ainda estamos em turnê e eu nunca fui muito bem sucedido quando escrevo na estrada”, explica Corgan. “Já começamos a compor músicas para esse novo disco (...). Definitivamente terá mais flerte com o rock”.

Na entrevista, Corgan é incentivado a analisar o mercado fonográfico atual e a volta (ou não) do conceito de álbum. “Acho que tem muita energia para que não volte, e muita para que volte. O que quero dizer é: o que significa ter grandes vendas hoje? Ao menos, antigamente era um milhão, dois milhões de cópias vendidas – pelo menos as pessoas estavam ouvindo o disco. Agora, você vende 100 mil e dizem que você está sendo ouvido por dois milhões, mas não é possível ver isso. Não se ganha recompensa”, esbraveja, clamando por uma nova alternativa. “O mercado trata você como merda se você não atingir certos números.”

Oceania é parte do projeto Teargarden By Kaleidyscope, no qual Corgan divulgou aos poucos músicas inéditas para download gratuito. No total, o pacote, ainda inacabado, deverá ter 44 músicas.