Black Eyed Peas e Jennifer Hudson irão tocar no polêmico show-tributo a Michael Jackson

Concerto beneficente homenageando o Rei do Pop terá também Christina Aguilera, Cee Lo Green, Smokey Robinson e Leona Lewis, entre outros; parte da família do cantor é contra o evento

Redação Publicado em 26/09/2011, às 12h00 - Atualizado às 12h03

Black Eyed Peas
Divulgação

A banda Black Eyed Peas e a cantora Jennifer Hudson foram anunciadas como parte das atrações do concerto beneficente Michael Forever: The Tribute Concert, que vai acontecer no dia 8 de outubro no Millennium Stadium, em Cardiff, no País de Gales. Uma homenagem ao Rei do Pop, a apresentação tem levantado polêmicas desde que foi anunciada.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

O show, que terá o ator Jamie Foxx como mestre de cerimônias, contará com performances de Cee Lo Green, Christina Aguilera e Smokey Robinson, e tem sido cercado de polêmicas há meses. Parte da família Jackson se afastou do projeto, já que ele ocorrerá ao mesmo tempo que o julgamento do médico Conrad Murray, acusado por homicídio culposo pela morte do cantor. Além disso, os ingressos baixaram de preço, por causa da falta de demanda, e muitos dos fãs pediram aos produtores que cancelassem o evento.

“Michael era maior do que tudo e eu o admirei, honrei, fiz piadas com ele, mas sempre o amei e respeitei”, Foxx disse à MTV News. “Espero honrar seu legado de uma forma que faria com que ele risse e chorasse". Michael Forever: The Tribute Concert vai acontecer no dia 8 de outubro no Millennium Stadium, em Cardiff, no País de Gales.