Pulse

Blur apresenta novas “My Terracotta Heart” e “Lonesome Street” em formato acústico; ouça

Banda britânica também tocou as clássicas “Parklife” e “This Is A Low” em programa de rádio

Redação Publicado em 27/04/2015, às 17h57 - Atualizado às 18h16

Graham Coxon e Damon Albarn, do Blur, durante performance ao vivo

Ver Galeria
(8 imagens)

O novo disco do Blur, The Magic Whip, chega às lojas da Europa nesta segunda, 27. O álbum, o primeiro da banda em 12 anos – ou desde Think Tank (2003) – já teve boa parte de suas músicas reveladas, como primeiro single “Go Out” ou a de clipe curioso “Lonesome Street”.

Galeria: bandas que foram, mas voltaram.

Algumas das novas faixas – além de outros clássicos – foram apresentadas em formato acústico pela banda no programa de rádio britânico The Chris Evans Breakfast Show, da BBC Radio 2. As performances aconteceram na última sexta, 24, e já estão disponíveis para audição na internet.

Empunhando violões, baixo e bateria acústicos, Damon Albarn, Graham Coxon e companhia tocaram “My Terracotta Heart” e “Lonesome Street” de maneira bem humorada, distribuindo, inclusive, algumas risadas na última delas.

Graham Coxon não disse nem à filha que estava gravando com o Blur.

Ainda deu tempo de eles tocarem dois clássicos antigos da carreira do grupo inglês. A primeira delas foi a divertida “Parklife” – particularmente interessante quando desplugada – e a emotiva “This Is A Low”.

Ouça abaixo às performances, na ordem, “My Terracotta Heart”, “Lonesome Street”, “Parklife” e “This Is A Low”.

Sobre The Magic Whip

O novo disco do Blur, The Magic Whip, é o primeiro da banda em 12 anos e chega às lojas em 28 de abril. O trabalho anterior do grupo, Think Tank, foi lançado em 2003. Este ainda será o primeiro CD do grupo com o guitarrista Graham Coxon desde 13, de 1999.

Relembre: O Blur fez um show empolgante no encerramento do Planeta Terra 2013.

As gravações aconteceram nos estúdios Avon, em Hong Kong, ao longo de cinco dias, logo depois da turnê Spring 2013 ter sido cancelada. “Não tínhamos muito (equipamento). Foi como nos tempos em que começamos a gravar nossas primeiras coisas”, disse Damon Albarn no anúncio do álbum.

A cidade de Hong Kong serviu como inspiração para trabalho, o que pode ser visto, por exemplo, nas duas palavras que estampam a capa (acima) do disco, “Blur” e “The Magic Whip”, em letras do alfabeto chinês. O anúncio, aliás, foi feito justamente no Ano Novo chinês.

Veja algumas das faixas de The Magic Whip já reveladas pelo Blur. A começar por “Go Out”:

“Lonesome Street”:

Outra faixa revelada foi “There Are Too Many of Us”:

Tracklist de The Magic Whip

“Lonesome Street”

“New World Towers”

“Go Out”

“Ice Cream Man”

“Thought I Was A Spaceman”

“I Broadcast”

“My Terracotta Heart”

“There Are Too Many Of Us”

“Ghost Ship”

“Pyongyang”

“Ong Ong”

“Mirrorball”