Blur fará shows de aquecimento

Antes de apresentação no Hyde Park, banda passará por lugares que marcaram início da carreira

Da redação Publicado em 10/12/2008, às 15h13

Apenas um dia após anunciar o retorno aos palcos, integrantes do Blur disseram que farão outros shows além da apresentação especial no Hyde Park, em Londres, em julho do ano que vem.

"Você não pode subir no palco do Hyde sem antes ter treinado algumas horas", disse o líder do grupo, Damon Albarn, em entrevista a uma rádio britânica. "Pessoalmente, gostaria de visitar lugares que foram importantes quando ainda estávamos nos tornando grandes", completou.

Albarn não confirmou outras apresentações, mas disse ter muita vontade em tocar na cidade britânica de Essex, onde o grupo nasceu, e também Wolverhampton, outra cidade da Inglaterra.

Há rumores de que o Blur seja uma das principais atrações do Glastonbury de 2009, que acontece em junho no sul inglês.

Fãs comemoram com grafite gigante

E os fãs do Blur não demoraram para mostrar sua satisfação pelo retorno da banda aos palcos, onde não pisavam desde 2002. Um grafite de 30 metros com um trecho da letra da bela canção "Out of Time" apareceu na Millenium Bridge, uma ponte que fica em Londres.

A faixa tem escrito: "And you've been so busy lately / That you haven't had the time / To open up your mind / And watch the world spinning / Gently out of time", ou, em português, "E você tem estado tão ocupado ultimamente / que não teve tempo / para abrir sua mente / e ver o mundo girando / gentilmente fora do tempo". O texto pode ser visto por passantes que se localizam no Tate Modern Art Museum e na St. Paul's Cathedral.

O Blur não tocava desde o lançamento do álbum Think Tank, quando o guitarrista Graham Coxon saiu do grupo. Também nesta quarta-feira, 10, o baixista Alex James, surpreso com as notícias do retorno de sua banda, chegou a dizer em sua coluna semanal no jornal The Independent: "parece que tenho meu antigo emprego de volta, bem quando eu menos achei que ia acontecer".