Blur não vai voltar

"É ingenuidade esperar um retorno", diz guitarrista Graham Coxon

Da redação Publicado em 31/01/2008, às 15h45

O Blur vai contra a corrente e não vai voltar
Reprodução/Site oficial

A reunião do Blur, tão anunciada para dezembro passado, não vai acontecer. A notícia partiu do ex-guitarrista do grupo, Graham Coxon, que conversou com os websites britânicos NME e Gigwise sobre o assunto.

"É ingenuidade esperar a banda voltar após anos sem se falar, com muita pressão sobre nossas cabeças. Mas alguns passos foram dados", contou o guitarrista.

Os integrantes do Blur tinham um almoço marcado para último dezembro, no qual discutiriam o retorno. Ao invés disso, apenas conversaram como bons amigos. "Nos encontramos, foi legal, mas conversamos pouco. Foi como um encontro normal de amigos, mas estranho", disse Coxon, que ainda comentou não ter ficado chateado com o rumo do bate-papo.

O guitarrista ainda comentou que o envolvimento individual de cada integrante em projetos paralelos (ele mesmo segue carreira solo, enquanto o vocalista Damon Albarn mantém as bandas Gorillaz e The Good, The Bad and the Queen) é um dos motivos para que a banda não retorne tão cedo. "A pressão é um obstáculo importante. Talvez, voltar e gravar um disco com o Blur seja um risco para todos nós".