Boy George diz que teve 'desacoplamento inconsciente' com Madonna após muitas intrigas

O cantor pop relembrou as diversas intrigas que já teve com a artista ao longo da carreira

Redação Publicado em 30/10/2019, às 12h42

None
Boy George e Madonna (Foto: Even Agostini / AP)

Boy George falou novamente sobre as intrigas que teve com Madonna. Em entrevista ao programa Watch What Happens Live! With Andy Cohen, o cantor respondeu a pergunta de um espectador sobre as intrigas com a cantora e disse que eles nunca foram resolvidos corretamente, mas dois tiveram um 'desacoplamento inconsciente'.

"Foi uma série de incidentes em que nós apenas nunca gerenciou para superá-los [...] Nós tivemos um desacoplamento inconsciente sem nenhuma decisão de nenhum de nós", disse o cantor pop.

+++ Leia Mais: De Freddie Mercury a Madonna: 9 músicas essenciais na história do orgulho LGBTQ+ [LISTA]

Segundo o Huffington Post, a expressão ganhou destaque em 2014 ao ser usado pela atriz Gwyneth Paltrow para descrever o divórcio com o vocalista do Coldplay, Chris Martin, e significa uma separação ou distanciamento mútuo e amigável.

Ao longo da carreira, George criticou diversas vezes Madonna em entrevistas. Em 2006, ele criticou a estrela pop e disse: "Eu apenas acho que ela é desagradável, um ser humano horroroso e terrível sem qualidades para compensar. Não tem nada de bom nela. Eu nunca ouvi ninguém dizendo algo bom sobre ela."

+++ Leia Mais: Por que o novo disco da Madonna é tão importante para a história?

Porém, 2014, o cantor se desculpou por todos os insultos e crítica que fez em relação à estrela pop. Em outra entrevista ao Huffington Post, ele disse: "Eu disse coisas horríveis sobre a Madonna e não me orgulho disso nem um pouco - Eu realmente não tenho orgulho disso, porque eu não a conhecia".

Apesar das idas e vindas com Madonna, George admitiu que sempre foi um grande fã e a acha fascinante. Ele também diz que respeita a artista e tem o hábito de comprar os discos dela.