Brad Pitt pode interpretar Steve McQueen em cinebiografia

Ator é cotado para filme sobre o astro dos anos 1960; Daniel Craig seria outro candidato ao papel

Da redação Publicado em 26/05/2009, às 19h30

Ainda sem título e sem diretor, a cinebiografia sobre o ator e galã hollywoodiano Steve McQueen pode ter Brad Pitt como protagonista, informa o site The Examiner.

O astro de O Curioso Caso de Benjamin Button teria manifestado interesse pelo papel principal da produção, que irá contar a trajetória artística de McQueen, ídolo dos cinemas entre as décadas de 1960 e 1970.

Brad Pitt foi capa da edição de fevereiro da Rolling Stone Brasil. Confira trechos da entrevista clicando aqui

Apesar da possível disponibilidade de Pitt para o papel, Bárbara Minty, última esposa de McQueen, prefere o ator Daniel Craig (007 Cassino Royale) para interpretar o ex-marido. Segundo o site Cinematical, há dois anos a cantora afirmou que Craig "tem o jeito metido, tem boa aparência. Se eu não fosse casada, eu namoraria com ele".

O filme será baseado na biografia Steve McQueen: Portrait of an American Rebel, escrita por Marshall Terrill, e contará com produção de Michael Cerenzie e Christine Peters, que pretendem anunciar em breve o cineasta encarregado da direção. De acordo com a publicação, a dupla pretende iniciar as gravações ainda em 2009.

McQueen, fã assumido de carros velozes, morreu em 1980 em decorrência de um ataque cardíaco. Antes do fim da carreira, iniciada com a atuação no filme Marcado Pela Sarjeta (1956), o ator se tornou famoso pelo papel em O Canhoneiro de Yang-Tsé, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de melhor ator em 1967. Na época, o "rei do cool" também chamou a atenção pela fama de mulherengo e o envolvimento com drogas.

Outros detalhes da vida de McQueen que estarão na cinebiografia serão o intenso casamento com a modelo e atriz Ali McGraw e a luta contra o câncer no pulmão.

O ator esteve também em filmes como Bullit, Sete Homens E um Destino e na primeira versão de Thomas Crown: A Arte do Crime, regravada em 1999, com Pierce Brosnan como protagonista.