Brasil é o quinto país em ranking de downloads ilegais de música

O álbum Talk That Talk, de Rihanna, foi o mais baixado no mundo

Redação Publicado em 18/09/2012, às 11h49 - Atualizado às 13h17

Rihanna
AP

Uma nova pesquisa divulgada pelo site Musicmetric, especialista em análise de fluxo de downloads na internet, revelou que o Brasil aparece em quinto lugar entre os países que mais baixam músicas ilegalmente. À frente dele estão Estados Unidos, Reino Unido, Itália e Canadá. Os dados são referentes aos seis primeiros meses deste ano.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

No Brasil, foram quase 20 milhões de downloads, enquanto o líder da lista soma quase 100 milhões. Mas a entidade responsável pelo levantamento dos dados alerta que os números se restringem a downloads por torrent.

A pesquisa revelou ainda quem são os artistas preferidos dos internautas, e a campeã foi Rihanna, que teve seu último álbum, Talk That Talk, baixado quase 1,25 milhão de vezes. No Brasil, o mais popular foi o DJ norte-americano Billy Van, que embora não seja tão conhecido conseguiu o posto ao firmar acordo com programas de torrent para distribuir desta forma sua música gratuitamente.

Outros dados interessantes ainda foram revelados. O número total de downloads no mundo inteiro foi de 405 milhões, que distribuíram cerca de 705 mil artistas diferentes. Dos arquivos baixados, aproximadamente 78% foram álbuns inteiros, enquanto 22% foram músicas únicas.