Britney Spears pede por curatela ‘voluntária’ e quer abrir processo para público ver

Nesta segunda, 31, Britney Spears e advogado entraram com pedidos para mudar as circunstâncias da curatela da cantora

Redação Publicado em 04/09/2020, às 18h13

None
Britney Spears (Foto: Ethan Miller/Getty Images)

Nesta segunda, 31, Britney Spears e o advogado nomeado pelo tribunal, Samuel D. Ingham III, entraram com pedidos para mudar as circunstâncias da curatela da cantora.

A curatela foi prorrogada até fevereiro de 2021 depois de uma ação em que a artista disse como "se opõe fortemente" a ter o pai Jamie como o único conservador. Em agosto, Jamie Lynn, irmã de Britney Spears, foi nomeada curadora dos bens da diva pop.

+++ LEIA MAIS: A polêmica cabeleireira que raspou cabelo de Britney Spears - e depois quis vender por R$4.4 milhões

Os novos documentos, obtidos pela People, expõem como Britney pede pela curatela "voluntária", o que, segundo a publicação, indica como a cantora "deseja exercer seu direito de nomear um conservador da propriedade".

Nos papeis, a diva sugeriu como a Bessemer Trust Company of California, N.A., poderia ser a conservadora. Assim, a empresa ficaria encarregada das finanças da cantora e controlaria a procuração para as decisões de saúde médica e carreira dela.

+++ LEIA MAIS: Britney Spears afirma ter quebrado recorde de Usain Bolt em corrida de 100 metros

"Britney se opõe veementemente a que seu pai continue como único conservador de seu patrimônio. Em vez disso, sem renunciar de forma alguma a seu direito de buscar o término dessa tutela no futuro, ela prefere fortemente que um fiduciário corporativo qualificado seja nomeado para desempenhar esse papel", anuncia o documento.

A artista também indica como deseja a confiança de ter o "poder e autorização para buscar oportunidades relacionadas a compromissos e atividades profissionais, incluindo, mas não se limitando a, apresentações, gravações, vídeos, turnês, programas de TV e outras atividades semelhantes, desde que sejam aprovados pelo conservador da pessoa e [sua] equipe médica".

+++ LEIA MAIS: Britney Spears elege as 3 melhores músicas dos anos 2000 - e cria playlist com hits da década

Nos documentos, Britney e o time legal também enfatizaram como ela não tem deficiência de desenvolvimento e atualmente não é uma "paciente em licença ou licença de uma instituição estadual". 

Na quarta, 2, o advogado Ingham entrou com novo pedido. Dessa vez, pediu para o processo não ser privado, mas sim "transparente". "Britney acredita... que a decisão de nomear um novo conservador de seu patrimônio seja feita da maneira mais aberta e transparente possível".

+++LEIA MAIS: Alguém colocou “Toxic”, de Britney Spears, em The Witcher - e ficou perfeito; assista

Ingham ainda anunciou como Britney solicita que o caso da tutela seja tornado público, uma vez que as informações financeiras confidenciais "já estão protegidas" e "não há problemas médicos em uma tutela da propriedade, nem seus filhos [Jayden, 13, e Preston, 14] estão envolvidos de alguma forma".

Além disso, o documento mostra: “Neste ponto de sua vida, quando ela está tentando recuperar um pouco de autonomia pessoal, Britney dá as boas-vindas e agradece o apoio informado de seus muitos fãs”.

+++LEIA MAIS: Britney Spears desabafa sobre solidão: "Você nunca sabe em quem pode confiar"

"A própria Britney se opõe veementemente a esse esforço de seu pai para manter sua luta legal escondida no armário como um segredo de família", conclui.

Segundo a People, uma audiência para o pedido de tutela voluntária de Britney está marcada para 10 de novembro.


+++ DESAFIO! FREJAT ESCOLHE OS MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO