Rolling Stone Festival: Ira! dedica “Vida Passageira” a “irmãos que nos deixaram esta semana”

Em vez de focar em hits, grupo recuperou pérolas perdidas de sua discografia, caso de “Advogado do Diabo”

José Flávio Júnior Publicado em 03/12/2016, às 19h58 - Atualizado em 09/12/2016, às 15h59

Ira! - Galeria

Ver Galeria
(12 imagens)

Terceira atração do Palco Devassa Puro Malte, o Ira! se recusou a fazer um “show de festival” na primeira edição do Rolling Stone Festival. A banda paulistana tem repertório para preencher uma hora só com hits, mas, em vez de jogar para a plateia, preferiu desafiar os presentes com escolhas inusitadas, como “Na Minha Mente”, faixa de abertura do pouco celebrado álbum 7 (1996) ou “Sem Saber pra Onde Ir”, de Invisível DJ, o mais recente álbum do quarteto, lançado há quase dez anos. Teve até “Advogado do Diabo”, um proto-rap do cultuadíssimo LP Psicoacústica (1988), em arranjo adulterado, bastante pesado.

Mas não foi uma apresentação só de lados B. Nasi, Edgard Scandurra e seus comandados subiram ao palco – sob uma chata chuva – ao som de “Longe de Tudo”. Na sequência, veio “Flerte Fatal” e a água diminuiu. “Dias de Luta” e “Flores em Você” abriram caminho para um dos momentos mais marcantes da tarde, quando o vocalista dedicou “Vida Passageira” “a todos os nossos irmãos que nos deixaram esta semana”. Os versos “Quando seus amigos te surpreendem/ Deixando a vida de repente/ E não se quer acreditar” deixavam claro que Nasi estava fazendo menção ao trágico acidente aéreo com os jogadores da Chapecoense, entre outras vítimas.

A segunda parte do show teve “Rubro Zorro” (outra lembrança de Psicoacústica), “Gritos na Multidão”, “Eu Quero Sempre Mais” (com a plateia fazendo a parte consagrada por Pitty no Acústico MTV) e a versão de “Train in Vain”, “Pra Ficar Comigo”. Para o arremate, “Envelheço na Cidade” e “Núcleo Base”. Os fãs até pediram “Pobre Paulista”, um dos vários sucessos que ficaram de fora. Mas não era essa a proposta da banda para este sábado, 3. E a chuva voltava a apertar. Hora de circular.

PALCO DEVASSA PURO MALTE

CAPITAL INICIAL: 23h – 0h30h

TITÃS: 21h30 – 22h30

FREJAT: 20h – 21h

PALCO DEVASSA SENTE O CLIMA

SEPULTURA: 22h30 – 23h45

REPUBLICA: 21h – 22h

Acompanhe a cobertura do festival pelas nossas redes sociais: Estamos no Twitter (@rollingstonebr), Facebook (/rollingstonebrasil) e Instagram (@rollingstonebrasil). Poste seus vídeos e fotos com a hashtag #rollingstonefestival e marque a gente!