Bruce Springsteen é um sobrevivente do apocalipse em curta-metragem inspirado na música “Hunter of Invisible Game”; assista

Faixa integra o mais recente disco do músico, High Hopes, lançado em janeiro deste ano

Rolling Stone EUA Publicado em 10/07/2014, às 14h12 - Atualizado às 17h57

Bruce Springsteen  - Hunter of Invisible Game
Reprodução / Vídeo

Bruce Springsteen interpreta um sobrevivente do apocalipse, perseguido pelos fantasmas do passado, no curta-metragem Hunter of Invisible Game. O filme, inspirado na música homônima do disco High Hopes, foi lançado na última quarta-feira, 9, no site oficial do músico. A história, que traz despedidas e trata da solidão, se desenrola ao longo de 10 minutos.

Os 10 maiores álbuns duplos de todos os tempos, segundo os leitores da Rolling Stone EUA. Uma dica: tem um disco de Bruce Springsteen entre eles.

“Por uma grande parte do ano, eu e Thom Zimny falamos sobre filmar um curta-metragem para ‘Hunter Of Invisible Game’”, escreveu Springsteen em uma nota oficial. “Finalmente conseguimos terminar o trabalho e acho que é um dos nossos melhores. Obrigado Thom pelo empenho e colaboração fraternal. Ele e a equipe dele deram o sangue pelo projeto.”

Uma das poucas canções de High Hopes que nunca foi mostrada ao vivo, “Hunter of Invisible Game” veio de um título que Springsteen escreveu anos atrás e só se tornou uma letra completa quando ele passou a consumir literatura pós-apocalíptica. “A inspiração veio de personagens que vagam por uma terra devastada. O que eles estão tentando fazer? Eles tentam resgatar a humanidade”, disse Springsteen à Rolling Stone EUA. “É uma daquelas músicas em que você não pensa muito enquanto a escreve. Eu a deixei de lado e agora é provavelmente uma das minhas favoritas.”

Rock in Rio 2013: relembre o show de Bruce Springsteen e outros melhores momentos dos sete dias de festival.

Além de High Hopes, Springsteen celebrou o Record Store Day com o lançamento de um EP em vinil de 12 polegadas chamado American Beauty, que trouxe quatro faixas inéditas.

Assista ao documentário: