Pulse

BTS: integrantes não devem ser poupados de alistamento no exército; entenda

Na Coreia do Sul, todo homem deve servir no exército por dois anos, e não há exceções para os integrantes do grupo

Redação Publicado em 09/09/2019, às 17h02

None
BTS. (Foto: Reprodução)

O BTS não será poupado de se alistar no exército da Coreia do Sul. No país, todos os homens devem se alistar e servir no exército por dois anos, obrigatoriamente. E, mesmo sendo parte de um grupo de sucesso, muito provavelmente os integrantes do boygroup terão que seguir a regra. 

+++LEIA MAIS: Gravadora do BTS abre audições globais para novo grupo feminino de k-pop

O governo da Coreia do Sul dispensa da atividade no exército, exclusivamente, medalhistas olímpicos. No entanto, os empresários do grupo na Big Hit Entertainmnt estão tentando aplicar a regra de atletas para os integrantes do BTS. Porém, segundo o site AllKPop, não parece ter dado certo.

A burocracia no país é tanta que flexibilizar a regra seria praticamente impossível. Como boa parte dos fãs de K-Pop já sabe, a obrigatoriedade de realizar serviços militares na Coreia do Sul é motivo de desfalques de integrantes em alguns boygroups. Será que com BTS será igual?

+++LEIA MAIS: O que cada integrante do BTS tem feito durante as férias?

Os rumores são que, para não haver alguns desfalques no grupo, todos irão se alistar no exército juntos. Dessa maneira, ficariam fora por dois anos para depois voltarem com tudo, todos juntos. Caso contrário ficariam com o grupo incompleto por um longo período de tempo.