Cannes 2013: veja premiados das mostras paralelas e as apostas para a Palma de Ouro

O curta-metragem brasileiro o curta brasileiro Pouco Mais de um Mês, do mineiro André Novais de Oliveira, foi premiado com uma menção honrosa

Maria Fernanda Menezes, de Cannes Publicado em 25/05/2013, às 14h35 - Atualizado às 14h39

Nebraska
Divulgação

Encerradas as sessões da competição oficial em Cannes, o balanço final é de um nível da competição bastante elevado em relação a 2012, quando o grande vencedor foi Amor, de Michael Haneke.

Com o curta brasileiro Pouco Mais de um Mês, do diretor mineiro André Novais de Oliveira, premiado com uma menção honrosa na Quinzena dos Realizadores, o Brasil sai mais uma vez com prestigio por seu cinema autoral, mesmo pouco representado. O vencedor da Quinzena foi Gambozinos, produção do diretor português João Nicolau.

A Semana da Crítica também premiou seu escolhidos, através do júri presidido pelo cineasta português Miguel Gomes e que teve como membro o jornalista brasileiro Thiago Stivaletti. Veja os premiados na lista posicionada no fim da página.

Pela cotação dos especialistas em Cannes, a maior pontuação do júri da Screen Magazine, formado por jornalistas de todo o mundo, ficou com Blue is The Warmest Colour, do diretor Abdellatif Kechiche, que conta a historia de amor entre duas meninas, vividas por Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos. Elas protagonizaram a cena de sexo entre mulheres mais longa e explicita já vista em Cannes.

Em seguida, duas unanimidades que devem disputar a tapa prêmios importantes do festival: Inside Llewyn Davis, dos Irmãos Coen, e Nebraska, de Alexander Payne (foto acima).

Correm por fora os longas de Paolo Sorrentino (La Grande Bellezza) e Asghar Farhadi (The Past). As duas produções devem ser levados em consideração tanto para receberem a Palma de Ouro, como pelo Grande Prêmio do Júri, quase tão relevante quanto o prêmio principal.

Amanhã, Steven Spielberg desvenda o mistério e anuncia os vencedores da 66ª edição do Festival de Cannes, durante a cerimonia de encerramento apresentada pela atriz Audrey Tautou.

Premiados da Semana da Crítica, em Cannes 2013:

Grande Prêmio:

Salvo, de Fabio Grassadonia e Antonio Piazza

Menção Especial:

Los Dueños, de Ezequiel Radusky e Agustin Toscano

Prêmio Revelação France 4:

Salvo, de Fabio Grassadonia e Antonio Piazza

Prêmio SACD:

Le Démantèlement, de Sébastien Pilote

Prêmio Canal+ (curta-metragem):

Pleasure, de Ninja Thyberg

Prêmio Descoberta (curta-metragem):

Come and Play, de Daria Belova