Carta de Michael Jackson detona Elvis Presley, Bruce Springsteen e os Beatles, segundo tabloide:  'Não eram melhores cantores e dançarinos do que artistas negros'

Rei do Pop traçou plano para conseguir o posto na anotação

Redação Publicado em 28/08/2020, às 09h09

None
Michael Jackson (Foto: Allen / Media Punch / IPX)

Uma carta escrita por Michael Jackson critica o racismo na indústria musical e detona os títulos atribuídos a artistas como Elvis Presley, Bruce Springsteen e Beatles, segundo o tablóide The Sun. A nota teria sido escrita em 1987, ano de  lançamento do álbum Bad, e confiada a amigos do artista.

“Ao longo da história, homens brancos estiveram nas páginas de história (...) acima dos negros, nomeados como nobres, como Elvis Presley, o Rei do Rock and Roll, Springsteen  como o Chefe e os Beatles como os melhores”, escreveu Jackson. “Sim, eles eram bons, mas não eram melhores cantores e dançarinos do que artistas negros”.

+++ LEIA MAIS: Michael Jackson tinha medo de terminar como Elvis Presley, relembra Lisa Marie

Na opinião de Jackson, a diferença estava no controle midiático por parte dos brancos para “fazer o público acreditar” na narrativa desejada, além de criticar que os artistas negros eram considerados feios. “Vou mudar isso agora com o poder da minha música, dança, meu visual, reclusão total e um mundo misterioso”, continua o cantor. “Vou comandar como rei. Não tenho preconceito, está mesmo na hora de um primeiro rei negro agora”. 

Ainda segundo The Sun, Jackson não considerava Presley o Rei do Rock e desejava “mostrar a Springsteen quem manda”, com o objetivo de acabar com o racismo ao se estabelecer como o Rei do Pop. “Vou mudar o mundo”, finalizou o astro. 

+++ LEIA MAIS: Como Michael Jackson tentou comprar ossos do Homem-Elefante - e ganhou imagem de 'esquisitão' por isso

Para receber o título, Jackson precisou lidar com anos de frustração pelo pouco reconhecimento como artista pop, um gênero ainda dominado por brancos. Entenda como o artista foi coroado Rei do Pop aqui


+++ XAMÃ: MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO, DE NIRVANA A TUPAC