Carta escrita por Paul McCartney é leiloada por 35 mil libras

O documento convidava baterista desconhecido a fazer um teste para os Beatles

Redação Publicado em 19/11/2011, às 13h05 - Atualizado às 13h30

Paul McCartney estabelece parceria com a Decca Records
Foto: AP

A casa de leilões Christie's vendeu uma carta escrita por Paul McCartney por 35 mil libras (quase R$ 100 mil). O documento, datado de 12 de agosto de 1960, convidava um baterista desconhecido a fazer um teste para os Beatles. As informações são do site da BBC.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

A carta foi descoberta dentro de um livro comprado em um sebo, em Liverpool, mas não se sabe quem era o tal baterista a quem o bilhete estava endereçado.

O item foi arrematado por um comprador que deu lances por telefone. Sabe-se apenas que ele é da Europa.

Na época em que a carta foi escrita, os Beatles estavam procurando um baterista para a viagem que estavam planejando para Hamburgo. Nos dias que se seguiram à data da carta, eles foram à Alemanha com seu novo baterista, Pete Best – aquele que foi substituído por Ringo Starr dois anos depois.