Charlie Sheen pede US$ 10 milhões para participar de episódio final de Two and a Half Men

Ex-astro da série deixou o programa em 2011

Redação Publicado em 18/06/2014, às 16h02 - Atualizado às 22h32

Charlie Sheen
AP

Em maio deste ano foi divulgado que depois de sua 12ª temporada, a série Two and a Half Men vai acabar. “Chuck Lorre [criador do programa] está muito empolgado, ele tem ótimas ideias e grandes surpresas”, disse Nina Tassler, da CBS, na ocasião.

Charlie Sheen vai de desculpas a ameaças a Ashton Kutcher em poucas horas

Quando o assunto envolve Two and a Half Men e surpresas, a primeira coisa que vem à mente é uma possível participação do ator Charlie Sheen, astro da série que deixou o programa em 2011. Agora, segundo a revista Star, o ator teria sido convidado oficialmente para aparecer no último episódio do programa e estaria exigindo um cachê de US$ 10 milhões (por volta de R$ 23 milhões). Além da quantia exorbitante, Sheen teria pedido para ler (e aprovar) o roteiro antes de aceitar participar.

Temas e aberturas que marcaram época em séries de TV.

A decisão de acabar com a série protagonizada por Jon Cryer e Ashton Kutcher veio depois de ela ter sido renovada para a sua 12ª temporada. É um programa muito caro, tendo em vista que Kutcher é o ator de sitcom mais bem pago na televisão, recebendo US$ 700 mil por episódio, enquanto Cryer ganha aproximadamente US$ 620 mil.

Two and a Half Men está no grupo de séries que acabarão entre 2014 e 2015, que também incluiu Parks and Recreation, Parenthood, Glee ,Boardwalk Empire, True Blood, The Newsroom, Mad Men , Strike Back, Wilfred, The Killing, Sons of Anarchy e Justified.