Charlize Theron e Tom Hardy brigaram feio nas filmagens de Mad Max- e a culpa foi do diretor George Miller

No aniversário de cinco anos do longa-metragem, a dupla de atores falou sobre o clima tenso gerado nos bastidores

Redação Publicado em 18/05/2020, às 07h46

None
Mad Max: Estrada da Fúria (foto: reprodução Warner)

No dia 14 de maio, Mad Max : Estrada da Fúria(2015) completou 5 anos de lançamento e se tornou um clássico contemporâneo dos filmes de ação. Apesar dos 6 Oscars conquistados, longa-metragem teve um clima bem tenso nos bastidores devido a conflitos entre Tom Hardy (Max) e Charlize Theron (Furiosa).

Em entrevista ao The New York Times, ambos os atores admitiram que a pressão da produção fez eles brigarem e serem ríspidos um com o outro longe das câmeras. Mas por quê? A dupla  atribuí parte da responsabilidade ao diretor George Miller.

+++LEIA MAIS: Mad Max: Diretor anuncia prequel de Estrada da Fúria com uma jovem Furiosa, mas sem Charlize Theron

Os astros relataram que a pressão sob eles era enorme. Tom Hardy tinha a tarefa de reviver o herói interpretado por Mel Gibson e Charlize tinha que ser mais protagonista do que ele no filme como a Imperatriz Furiosa. "Acho que não tive empatia o suficiente para entender realmente como era par Tom ocupar o lugar de Mel Gibson. Isso é assustador", disse Theron.

"E acho que, por causa do meu próprio medo, nós colocamos barreiras para nos proteger em vez de dizer 'isto é assustador para nós dois, vamos ser legais um com o outro", disse a atriz.

+++LEIA MAIS: Por que Wez, vilão de Mad Max 2, não pode mais aparecer em nenhum filme da franquia?

 Hardy concordou: "A pressão sobre nós dois era esmagadora às vezes. Ela precisava de um parceiro melhor e mais experiente do que eu. Isso é algo que não dá para fingir. Gosto de pensar que, agora que sou mais velho e mais feio, eu poderia ter correspondido às expectativas."

Além disso, a responsabilidade não só de controlar a tensão, mas de orientar os atores era de George Miller, que não correspondeu devidamente. "Acho que o mais difícil para mim era que George tinha o filme todo na cabeça dele, e eu estava desesperada para entendê-lo", disse Theron.

+++LEIA MAIS: 13 filmes que têm mais de 40 anos e você não fazia ideia: Star Wars, Mad Max e Poderoso Chefão [LISTA]

Zoe Kravitz contou que Hardy até descontou a raiva no diretor em alguns momentos :"Tom teve muitos momentos de frustração. Charlize também, mas acho que ele foi quem mais descontou em George, o que foi chato de ver. Mas de certa forma, você também não pode culpá-lo, porque muito estava sendo exigido desses atores e tinha muitas questões não-respondidas".


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE