Chester Bennington canta “Hallelujah”, clássico de Leonard Cohen, no funeral de Chris Cornell

Integrantes do Pearl Jam e Soundgarden fizeram discursos na cerimônia, que aconteceu em Los Angeles, Estados Unidos

Rolling Stone EUA Publicado em 29/05/2017, às 11h45 - Atualizado às 11h53

Chester Bennington cantou "Hallelujah" no funeral de Chris Cornell

Ver Galeria
(7 imagens)

O corpo de Chris Cornell foi velado na última sexta, 26, em uma cerimônia privada no cemitério Hollywood Forever, em Los Angeles, Estados Unidos. No evento, compareceram colegas de banda de Cornell, celebridades amigas, família e outros nomes do grunge.

James Hetfield e Lars Ulrich, do Metallica, Dave Grohl, Pat Smear e Taylor Hawkins, do Foo Fighters, Pharrell Williams, Krist Novoselic, Nile Rodgers, Courtney Love, Perry Farrell, do Jane’s Addiction, Dave Navarro e Joe Walsh estavam entre os artistas que foram ao funeral. Atores como James Franco, Christian Bale e Brad Pitt também foram à cerimônia.

Chester Bennington, do Linkin Park, cantou a clássica “Hallelujah”, conhecida na voz de Leonard Cohen, no evento. O ator James Brolin, Jeff Ament, do Pearl Jam, e os colegas de banda de Cornell, Kim Thayil e Matt Cameron, do Soundgarden, e Tom Morello, do Audioslave, fizeram discursos, segundo a Associated Press.

LEIA TAMBÉM

Saiba mais sobre a morte de Chris Cornell, vocalista do Soundgarden e Audioslave

Viúva de Chris Cornell, Vicky escreve carta ao cantor: “Sei que aquele não era você”

Chris Cornell: 15 músicas essenciais

A cerimônia privada começou com os autofalantes do cemitério tocando “Like a Stone”, do Audioslave, assim como a recente canção solo de Cornell, “The Promise”. Ao fim do funeral, “All Night Thing”, do Temple of the Dog, ecoava enquanto as pessoas saiam do cemitério.

O programa entregue aos participantes tinha uma frase de Cornell: “Somos vizinhos em um mundo moderno no qual a proximidade é relativa e o limite dos nossos corações se move além do tempo e do espaço”.

As cinzas de Cornell teriam sido colocadas ao lado dos restos de Johnny Ramone, amigo dele, de acordo com o TMZ.

Após a cerimônia, um memorial aberto ao público teve início para os fãs que se reuniram do lado de fora do cemitério.