Chris Brown é diagnosticado com stress pós-traumático e transtorno bipolar

O cantor está internado em uma clínica de reabilitação

Redação Publicado em 03/03/2014, às 15h20 - Atualizado às 15h26

Chris Brown
Cliff Owen / AP

De acordo com o site do canal E!, o cantor Chris Brown, que passou os últimos três meses em tratamento em um centro de reabilitação, foi diagnosticado pelos médicos do local com transtorno de stress pós-traumático e transtorno bipolar.

Dois lados: artistas que são tão (ou mais) odiados quanto amados, como Chris Brown.

"O senhor Brown também precisará de uma supervisão intensa do médico para assegurar de que o problema de distúrbio bipolar se mantenha estável”, diz um documento obtido pelo veículo. “Não é incomum que pacientes com transtorno pós-traumático e bipolar II usem substâncias como uma automedicação para as mudanças de humor”.

A carta, enviada pelo centro de reabilitação para a Corte que cuida das condenações de Brown por agressão, também faz menção ao comportamento agressivo do músico, que foi notícia em diversas ocasiões, especialmente quando ele feriu a então namorada Rihanna. “O senhor Brown se tornou agressivo e se manifestou fisicamente por causa de sua questão de saúde mental que não estava sendo tratada e também por causa privação de sono e uso impróprio de medicação”.

O cantor havia sido condenado pela agressão cometida contra Rihanna e já prestoi 250 horas de serviço comunitário, restando 750 horas. Ele deve terminar o trabalho em 10 de outubro.