Chris Cornell e Elza Soares estampam a capa da edição 130 da Rolling Stone Brasil

Os amigos exaltam o legado do líder do Soundgarden, cuja morte trágica intrigou familiares e fãs; Elza Soares saboreia o duradouro sucesso de A Mulher do Fim do Mundo, lembra glórias da carreira e toca vários novos projetos

Redação Publicado em 21/06/2017, às 19h21

Capas da edição 130

Ver Galeria
(2 imagens)

Um artista amado e admirado por colegas e fãs que o mundo perdeu na madrugada de 18 de maio. Chris Cornell, cuja morte trágica intrigou todos à sua volta, estampa a Rolling Stone Brasil. Também nas bancas este mês está a matéria de capa que conta a história de um dos maiores ícones da música brasileira, a guerreira Elza Soares.

O cineasta Cameron Crowe, Tom Morello (Rage Against the Machine/Audioslave), Serj Tankian (System of a Down) e Stone Gossard (Pearl Jam) estão entre os amigos que deram depoimentos relembrando o vocalista no Audioslave, no Soundgarden, no Temple of the Dog, na carreira solo e no cotidiano pessoal, ao lado da esposa, filhos e colegas. "Nunca achei que Chris, por causa da família, do humor e da satisfação com que falava de sua vida privada, iria até o fundo do poço", disse Crowe. "É inacreditável. Não sei quais são as fases do luto, mas acho que estou na primeira. Ainda espero que seja algum engano", falou Morello. Leia um trecho aqui.

Elza Soares ainda saboreia o duradouro sucesso do disco A Mulher do Fim do Mundo, premiado internacionalmente, mas não quer saber de descanso no topo da montanha. Em meio a diversos projetos, ela relembra rasteiras e grandes momentos da longa carreira, além de repassar tragédias da vida pessoal. A artista, com status de mito, prepara uma biografia, um álbum e ganhará filme e musical de sua trajetória. "Esperava um sucesso, mas não nessa proporção. Cada vitória é sempre uma glória, diz ela sobre A Mulher do Fim do Mundo. "Elza é uma das maiores cantoras brasileiras de todos os tempos. A força individual faz dela um caso único na nossa história", derrete-se Caetano Veloso. Leia um trecho aqui.