Chris Evans e Samuel L. Jackson relembram impacto cultural de Chadwick Boseman em nova entrevista

Os astros falaram sobre a importância de Boseman e o legado deixado por ele

Redação Publicado em 16/09/2020, às 18h57

None
Chadwick Boseman e Chris Evans em Vingadires: Guerra Infinita (Foto: Reprodução)

Em agosto de 2020, Chadwick Boseman, o icônico ator de Pantera Negra, morreu aos 43 anos devido a um câncer de cólon. Desde então, diversos astros falam sobre a importância de Boseman para o cinema - e os colegas Chris Evans e Samuel L. Jackson também se manifestaram. As informações são do Screenrant

+++LEIA MAIS: Chadwick Boseman, o Pantera Negra, é homenageado pelo elenco de Vingadores e outros astros de Hollywood

Na última terça, 15, Evans (Capitão América) e Jackson (Nick Fury) participaram do talk show de Tamron Hall, e explicaram como a morte de Boseman está sendo “difícil para todos”. 

Evans falou sobre a importância de Chadwick Boseman: "O impacto cultural dele é incomensurável. Não apenas como artista, mas como homem, a maneira como falava, como se portava". Jackson também se pronunciou, explicando o grande legado do astro de Pantera Negra:

+++LEIA MAIS: Produtor de Pantera Negra compartilha última mensagem que recebeu de Chadwick Boseman - é emocionante

“É angustiante perder alguém que é uma parte tão importante da cultura, em termos do que ele se tornou para o mundo, em termos de Pantera Negra. Ele marcou a sociedade dessa forma e impactou principalmente a cultura negra, dando às crianças um herói que elas podem aspirar (...) É devastador.”


+++ BK' lança novo disco e fala sobre conexão com o movimento Vidas Negras Importam: 'A gente sabia que ia explodir'