Clipe de “Work Bitch”, de Britney Spears, recebe restrição de horário de exbição no Reino Unido

Vídeo foi considerado inapropriado para ser exibido na televisão antes das 22h

Redação Publicado em 03/10/2013, às 13h59 - Atualizado às 14h16

Britney Spears - "Work Bitch"
Reprodução

Britney Spears voltou às manchetes com a nova música, “Work Bitch”, e o clipe revelado nesta semana. Segundo noticiou o jornal britânico The Mirror, o vídeo foi considerado inapropriado por autoridades do Reino Unido e poderá ser exibido na televisão apenas depois das 22h.

Os dez clipes mais sexy de Britney Spears.

Canais segmentados do país tentam alguma forma de continuar a exibir o clipe e solicitaram uma versão “limpa” do clipe que apresenta o primeiro single do novo disco de Britney. Em entrevista com a rádio norte-americana The TJ Show, a cantora revelou ainda que mesmo a versão oficial teve cortes para atenuar algumas cenas.

Proibidos: relembre clipes que tiveram que sair do ar ou ter o conteúdo alterado

“Nós mostramos muito mais pele e fizemos muito mais coisas para o vídeo do que realmente está lá”, disse ela, segundo noticiou o site TMZ. “Eu cortei metade do vídeo porque eu sou mãe e porque, você sabe, eu tenho filhos, e é simplesmente difícil ser uma mãe sexy enquanto você é uma estrela pop.”

A carreira de Britney Spears em fotos.

O clipe foi dirigido por Ben Mor, que também trabalhou com a cantora recentemente no vídeo de “Scream & Shout”, parceria dela com Will.i.am. O novo single estará no oitavo disco de Britney, com lançamento previsto para o dia 3 de dezembro.