Com falta de vacinas no Brasil, Ministério da Saúde ‘encontra’ 100 mil doses de Coronavac

Segundo site, a pasta descobriu um estoque adicional do imunizante e irá distribuí-lo aos estados

Redação Publicado em 29/04/2021, às 17h57

None
Vacinação contra a Covid-19 (Foto: David Greedy / Getty Images)

Na quarta, 28, o Ministério da Saúde encontrou 100 mil doses da vacina Coronavac em estoque. A pasta descobriu um estoque adicional do imunizante produzido pelo Butantan, e como foi armazenado corretamente será distribuído aos estados. As informações são do Estado de Minas.

A notícia foi divulgada pela Gaúcha ZH, e o Ministério respondeu em nota que “não retém doses de vacina contra Covid-19”: “Toda semana a pasta recebe imunizantes do Butantan e Fiocruz. Em seguida é realizada reunião com representantes da União, Estados e Municípios para definir a pauta de distribuição das vacinas, que no dia seguinte são encaminhadas às secretarias de saúde das Unidades Federativas,” argumentou a pasta.

+++LEIA MAIS: Bolsonaro recusou 11 ofertas para compra de vacinas; entenda

O Brasil enfrenta diversas dificuldades no fornecimento da segunda dose da Coronavac. Em várias cidades do país, a imunização precisou ser paralisada por não haver imunizantes suficientes.

Por isso, na terça, 27, o Ministério da Saúde recomendou que a população tome a segunda dose mesmo fora do prazo, mesmo que ainda não seja comprovado o índice de eficácia quando o intervalo entre as picadas é maior. Em nota, o Programa Nacional de Imunizações (PNI) também explicou que, sempre que possível, os intervalos definidos pelos fabricantes devem ser cumpridos.

+++LEIA MAIS: Por que o Brasil está tão atrasado na vacinação?


+++ FBC E VHOOR | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL