Como Bradley Cooper ajudou na versão final de Coringa com Joaquin Phoenix

Segundo o montador Jeff Groth, o astro de Hollywood foi "incrivelmente necessário" para a produção do filme de Todd Phillips

Redação Publicado em 23/01/2020, às 09h12

None
Todd Phillips e Bradley Cooper na premiere de Coringa (Foto: Evan Agostini / Invision / AP)

Bradley Cooper dublando Rocky Racum no Universo Cinematográfico Marvel não foi a única contribuição do ator para os filmes baseados em quadrinhos, pois ele também é creditado como um dos produtores de Coringa, indicado ao Oscar 2020.

+++ LEIA MAIS: Brad Pitt, Robert Downey Jr. e mais: 11 celebridades que decidiram manter a sobriedade

Por mais que o nome de Cooper não tenha sido mencionado muitas vezes durante as conversas com a imprensa, ele foi incrivelmente necessário para a realização do longa de Todd Phillips.

"Nós o mantivemos por perto", disse o montador Jeff Groth. "Bradley Cooper definitivamente interveio algumas vezes. Ele assistiu o filme diversas vezes. Poderíamos ligar para ele quando estávamos presos a alguma coisa e pensássemos: 'Ei, você pode vir dar uma olhada nas coisas?'"

+++ LEIA MAIS: Com 11 indicações, Coringa já é o filme de HQs mais celebrado da história do Oscar; veja

Enquanto Bradley Cooper atua profissionalmente há mais de 20 anos, Coringa não foi sua estreia como produtor, pois ele também é creditado em filmes como Limitless, Trapaça e Sniper Americano. 

Ainda de acordo com os comentários de Groth ao portal Collider, a assistência de Cooper foi inestimável para Coringa, que ele produziu por meio da empresa Joint Effort, da qual Phillips também faz parte. Obviamente, o cineasta estava muito mais envolvido com a criação de Coringa, mas quando se tratava de escolher pequenos detalhes, Cooper entrava em cena.

+++ LEIA MAIS: Joaquin Phoenix teve dificuldade para interpretar o Coringa e improvisou várias cenas; entenda

"Ele não deixa nada escapar (risos). Ele assistia ao filme e apontava até para as menores coisas", continuou Groth. "Ele foi definitivamente uma grande ajuda. Eu acho que ele tem muito mais experiência em edição do que a maioria das pessoas poderia imaginar."

 


+++ MELHORES DISCOS BRASILEIROS DE 2019 (PARTE 1), SEGUNDO A ROLLING STONE BRASIL