Como Curb Your Enthusiasm salvou um homem inocente de ser preso e condenado à morte

Sem imaginar, episódio "The Carpool Lane" impediu que um homem acusado injustamente por assassinato fosse preso e pegasse pena de morte

Redação Publicado em 25/04/2021, às 10h00

None
Curb Your Enthusiasm (Foto: reprodução/ vídeo)

Quem diria que a série Curb Your Enthusiasm, estrelada pelo humorista Larry David, cocriador de Seinfeld, sem querer ajudaria um homem acusado injustamente por assassinato a escapar de ir para a prisão e, possivelmente, pegar pena de morte.

Em maio de 2003, a ABC News informou a morte de Martha Puebla, de 16 anos, baleada durante um tiroteio entre gangues na Califórnia, EUA. O principal suspeito do assassinato era Juan Catalan. No entanto, o rapaz estava assistindo a um jogo de beisebol no exato momento da trágica morte da garota, mas parecia ser impossível provar sua inocência à justiça. 

+++LEIA MAIS: Como um serial killer inspirou episódio de Seinfeld?

O advogado Todd Melnik tentava salvar a vida de Juan Catalan a todo custo, pois sabia que ele estava no jogo de beisebol na hora do assassinato. "Eu pedi as fitas do Estádio Dodger Vision que mostram fotos da multidão e analisei cada uma. Também consegui a transmissão do jogo pela Fox Sports, mas as evidências não eram sólidas o suficiente", afirmou Melnik ao The New Yorker

É agora que a série Curb Your Enthusiasm entra na história. "The Carpool Lane", o sexto episódio da quarta temporada foi gravado exatamente no mesmo jogo de beisebol em que Juan Catalan estava. Na trama, Larry Davidcontrata uma garota de programa, Monena, para ir ao jogo com ele no mesmo carro, sendo assim ele poderia usar a faixa restrita a veículos com mais passageiros e chegar ao estádio com facilidade. 

+++LEIA MAIS: Jerry Seinfeld explica momento arrogante em entrevista de 2007 com Larry King

Juan Catalan foi ao estádio com sua filha, Melissa, e em certo momento do jogo, sem saber que o episódio de Curb Your Enthusiasm estava sendo filmado, entrou no enquadramento das câmeras. Espertamente, o advogado Todd Melnik conseguiu imagens do episódio que mostram Catalan duas vezes nas cenas, provando que ele estava no estádio no momento do assassinato de Martha Puebla. 

De acordo com a ABC News, Juan Catalan acabou recebendo  $ 320 mil pela acusação injusta. Enquanto isso, Raul Robledo foi preso pelo assassinato em 2008. Em 2017, a Netflix lançou o documentário Long Shot, contando a história completa desse caso notável.

As informações são do site Mental Floss


+++ FBC E VHOOR | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL


+++SAIBA MAIS: 7 curiosidades sobre Heath Ledger: nome, caracterização do Coringa, melhor amigo e mais [LISTA]

Apesar de ter vivido apenas 28 anos, Heathcliff Ledger (mais conhecido por Heath) marcou o cinema com papéis como Patrick Verona em 10 Coisas que Eu Odeio em Você (1999) e Coringa em Batman: O Cavaleiro das Trevas (2008)

Heath nasceu em Perth, Austrália, em 4 de abril de 1979. Neste domingo, completaria 42 anos. Confira sete curiosidades sobre o ator: da origem de nome a quem era o melhor amigo. 

+++LEIA MAIS: Além de Coringa: 4 papéis icônicos de Heath Ledger [LISTA]

Nome

O nome do ator, Heathcliff, foi inspirado em um personagem de O Morro dos Ventos Uivantes (1847), de Emily Brontë, livro preferido da mãe dele, Sally Ledger. Do mesmo romance, Sally tirou o nome de outra filha, Katherine. 


Primeiras experiências

Heath estudou na Guildford Grammar School, escola só para meninos, onde teve a primeira experiência como ator. Aos 10 anos, participou de uma montagem da peça Peter Pan.

+++LEIA MAIS: Warner queria a origem do Coringa de Heath Ledger em Batman: O Cavaleiro das Trevas; o que aconteceu?

Como ator profissional, um dos primeiros papéis da carreira foi em Home And Away (1988), espécie de novela teen a qual lançou várias estrelas australianas. Interpretou Scott por apenas 10 episódios e, apesar de ter feito muito sucesso, recusou propostas dos produtores para continuar.


Inspiração

Durante os anos de escola militar, Heath coreografou e dirigiu um grupo de 60 colegas para uma competição. Foi a primeira equipe masculina a disputar, e saíram vitoriosos. O ator comparou a apresentação ao estilo de Gene Kelly, de Cantando na Chuva (1952) e revelou como o dançarino era seu maior ídolo no cinema.

+++LEIA MAIS: Heath Ledger apanhou de verdade em uma das cenas mais violentas de Batman: O Cavaleiro das Trevas


Xadrez

Heath era um adorador de xadrez e jogava desde pequeno. Aos 10 anos, ganhou o campeonato júnior da Austrália Ocidental. Quando adulto, continuou o hábito e jogava frequentemente no Washington Square Park em Nova York (EUA). 


Gambito da Rainha

A partir do amor pelo xadrez, em 2008, anunciou planos de iniciar filmagens da adaptação do livro O Gambito da Rainha (1983). Teria sido a estreia de Heath como diretor de cinema. 12 anos depois, o romance foi adaptado para uma produção da Netflix e foi a série mais assistida de 2020, segundo JustWatch.


Jake Gyllenhaal

Colegas de elenco em O Segredo de Brokeback Mountain (2005), Heath e Jake Gyllenhaal se tornaram grandes amigos. O ator é, inclusive, padrinho da única filha de Ledger, Matilda.


Coringa

O vilão de O Cavaleiro das Trevas (2008) foi o papel de maior reconhecimento de Heath. Com ele, ganhou o Oscar póstumo de Melhor Ator Coadjuvante em 2009. Nas filmagens, projetou sozinho a composição do personagem. Segundo Heath, se Coringa fosse real, faria a própria caracterização.

+++LEIA MAIS: Heath Ledger recusou o papel de Batman antes de ser eternizado como Coringa de Nolan: 'Nunca vou participar de um filme de super-herói'