Como foi a desastrosa turnê do Guns N' Roses na América Latina em 1992: pancadaria, ameaça de morte e Axl Rose detido no Brasil

A passagem da banda nos países foi bem conturbada, principalmente no Brasil e Chile

Redação Publicado em 27/03/2020, às 18h50

None
Guns N'Roses (Foto: Gene Ambo / Media Punch / IPX)

Em 1992, o Guns N’ Roses fez a primeira turnê bastante na América do Sul - que foi bem marcante. O grupo vivenciou pancadarias, recebeu ameaças e Axl Rose foi detido pela Polícia por uma atitude que teve em São Paulo, Brasil. 

+++LEIA MAIS: Por que Axl Rose quase foi preso no Brasil, em 1992, durante turnê dos Guns N' Roses?

Ao chegar em Santiago do Chile, um dos primeiros lugares onde a banda passou, militares cercaram o grupo e ameaçaram Axl Rose. Segundo relatos dos próprios integrantes à mídia na época, os homens carregavam metralhadoras e falaram que se o vocalista descesse, eles atirariam nele. 

Já no Brasil, no dia 10 de dezembro de 1992, em São Paulo, o Guns N' Roses começou a apresentação com “Welcome To The Jungle” que levou o público a loucura a ponto de passar dos limites. 

+++ LEIA MAIS: O quanto a voz de Axl Rose mudou? Vídeo mostra evolução do vocalista do Guns N' Roses

Ao tocar “Live And Let Die”, o vocalista precisou interromper o show devido a uma pancadaria na plateia. Logo após, fez um discurso falando mal da imprensa do país e dedicou “Double Talkin’ Jive” para a mídia brasileira.

Em “You Could Be Mine”, novamente, Axlinterrompeu a apresentação, porque objetos estavam sendo jogados no palco, mas o público não respeitou o pedido até que algo acertou Matt Sorum. Como o vocalista já estava insatisfeito, encerrou o show antes do horário previsto.

+++ LEIA MAIS: A vez em que Axl Rose se atrasou para um show do Guns N' Roses para assistir Tartarugas Ninjas

Também em São Paulo, a banda atraiu os olhares da imprensa e dos fãs e o grupo foi perseguido por fotógrafos na capital paulista. Devido ao temperamento explosivo do músico, ele jogou uma cadeira em direção aos jornalistas da sacada do Hotel onde eles estavam hospedados. 

O ocorrido não machucou ninguém, a Polícia deteve o músico e alegou que ele colocou a vida de seres-humanos em perigo ao lançar uma cadeira giratória pesada em um grupo de pessoas de uma altura cerca de 10 metros. 

+++ LEIA MAIS: Há 32 anos, o Guns N' Roses dominava o mundo como os últimos selvagens do rock com o disco Appetite For Destruction

O caso, no entanto, foi resolvido em questão de horas, Axl Rose não chegou a ir para a prisão e a Polícia não deu sequência na acusação.


+++ CORONAVÍRUS: DEVEMOS REALMENTE CANCELAR SHOWS E EVENTOS?