Como a formação clássica do Smashing Pumpkins acabou graças aos vícios e às personalidades conflitantes

Nova série documental da Reelz revela o motivo que levou ao encerramento das atividades da banda até 2006

Redação Publicado em 05/07/2019, às 11h27

None
The Smashing Pumpkins (Foto: Youtube/Reprodução)

Smashing Pumpkins: Breaking the Band, a nova produção do canal Reelz, aponta que o fim da formação original do Smashing Pumpkins nos anos 2000 foi influenciado pela vida "selvagem" de alguns integrantes da banda e pelas personalidades conflitantes.

No documentário, é revelado um dos principais motivos que levou os integrantes da banda a encerrar as atividades até 2006: a decisão do produtor Butch Vig de gravar o álbum Siamese Dream, de 1993, na cidade de Atlanta, e não em Chicago, sua cidade natal.

A intenção de Vig era manter Jimmy Chamberlin, baterista do grupo, longe de seus fornecedores de drogas e dentro do estúdio, onde o vocalista Billy Corgan precisava dele. No entanto, o plano começou a falhar quando Chamberlin retomou os hábitos tóxicos que atrasavam o processo de gravação.

Jeff Tomei, engenheiro de som do SmashingPumpkins, afirma no teaser do documentário: "Se você procura essas distrações, pode encontrá-las, elas são fáceis de encontrar em qualquer lugar."

Assista o teaser de Smashing Pumpkins: Breaking the Bandaqui.

+++ SESSION ROLLING STONE: Cynthia Luz acredita no amor puro com "Não Sou Sem Nós"