Como Mick Jagger resolveu escrever ‘Sympathy for the Devil’, dos Rolling Stones?

O que influenciou o músico a compor esta canção?

Redação Publicado em 29/07/2020, às 15h43

None
Mick Jagger, dos Rolling Stones (Foto: Vit Simanek / AP Images)

No clássico dos Rolling Stones, "Sympathy for the Devil", Mick Jagger citou dois autores como influências na faixa, que são conhecidos por escrever sobre o Diabo, como conta o Cheatsheet. Curiosamente, as origens da música são muito filosóficas. 

+++LEIA MAIS: O que Mick Jagger pensa sobre ‘Moves Like Jagger’, do Maroon 5?

"Acredito que isso foi tirado de uma ideia antiga de [Charles] Baudelaire, acho, mas posso estar errado. Às vezes, quando olho meus livros de Baudelaire, não consigo vê-lo em qual está. Mas foi uma ideia que tive da escrita francesa. E eu peguei algumas linhas e expandi-a. Eu escrevi como uma música de Bob Dylan", contou Jagger à Rolling Stone em 1995.

Baudelaire era um autor francês que escreveu um polêmico livro de poemas chamado As Flores do Mal. Um dos poemas é "As litanias de Satã", que transforma elementos do catolicismo em algo satânico. 

+++LEIA MAIS: 11 prisões dos integrantes dos Rolling Stones: drogas, brigas e, bom, mais drogas

O autor também escreveu um poema chamado "The Generous Gambler" (O jogador generoso, em tradução livre), que apresenta o diabo como personagem. No livro, Beggars Banquet and the Rolling Stones’ Rock and Roll Revolution, é explicado que Jagger citou esse poema como uma inspiração para a música.

No entanto, de acordo com o mesmo livro, Baudelaire não foi o único escritor a influenciar "Sympathy for the Devil". Mikhail Bulgakov, outro autor famoso que escreveu sobre o diabo, famoso pelo romance The Master and Margarita (“O Mestre e Margarita”), que apresenta Satanás visitando a União Soviética, também foi base para a composição da canção. 

+++LEIA MAIS: Rolling Stones compartilham primeiro episódio da série Extra Licks com show da turnê Olé Olé Olé, de 2016

Segundo o Cheatsheet conta, Marianne Faithfull deu a Mick Jagger uma cópia de The Master and Margaritaem 1966. Na época, o romance só havia sido publicado em inglês recentemente. 


+++ PLAYLIST COM CLÁSSICOS DO ROCK PARA QUEM AMA TRILHAS SOBRE DUAS RODAS