Como morte de June Carter afetou Johnny Cash?

O cantor morreu cerca de três meses depois da esposa

Redação Publicado em 01/06/2021, às 08h57

None
Johnny e June Cash com o filho, John Carter Cash (Foto: Paramount Pictures / Getty Images)

Nas músicas, Johnny Cash era conhecido pela imagem de durão, com canções sobre crimes, as quais trouxeram uma imagem de bad boy. Porém, June Carter mostrou como o astro era diferente de tudo isso. Segundo Express, o dono de "Hurt" ficou bastante abalado após a morte da cantora.

Os dois se casaram em 1968 - e o relacionamento durou até a morte de Carter em maio de 2003. Em uma declaração após a morte da esposa, Cash disse: "O espírito de June Carter me ofuscou esta noite com o amor que ela tinha por mim e meu por ela. Nós nos conectamos em algum lugar entre aqui e o céu. Ela veio para uma curta visita, me dar coragem e inspiração como sempre. Agradeço a Deus por ela. Eu a amo com todo meu coração."

+++LEIA MAIS: Johnny Cash pediu June em casamento de forma grandiosa; confira

De acordo com Rick Rubin, quem trabalhou com Johnny Cash nos últimos dias de vida, o cantor ficou "arrasado" pela morte de June, mas seguiu as ordens dela para continuar gravando música. "Johnny me disse: 'Você precisa me manter trabalhando porque morrerei se não tiver nada para fazer,'" afirmou Rubin à Q Magazine. "Ele estava em uma cadeira de rodas e nós o colocamos na casa dele em Virgínia."

"Não consegui ouvir as gravações por dois anos depois da morte dele. Partimos o coração quando escutamos," finalizou. Johnny Cash gravou mais de 60 canções após a morte de June Carter - e morreu, cerca de três meses depois da esposa, por conta de complicações de diabetes.

+++LEIA MAIS: Quantas vezes Johnny Cash foi preso?

Como Express relatou, tecnicamente, o coração partido de Cash não foi relacionado com a morte dele. Porém, a mágoa do astro pode ter sido parte da morte.


+++ SUPLA | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL