Compositor John Williams quer participar da nova trilogia de Star Wars

Músico que criou as trilhas sonoras da saga quer continuar o trabalho nos novos filmes

Redação Publicado em 18/02/2013, às 12h51 - Atualizado às 13h39

John Williams
AP

O compositor John Williams, de 81 anos, é um dos personagens mais celebrados em Hollywood e acumula nada menos que 48 indicações ao Oscar de Melhor Trilha Sonora por trabalhos memoráveis como Tubarão e filmes da saga Star Wars. E o músico afirmou que está à disposição para os novos filmes da história criada por George Lucas, segundo noticiou o site da revista NME.

Arquivo RS: em 1983, George Lucas estava às voltas com O Retorno de Jedi, desfecho da primeira trilogia Star Wars. Ele já se preocupava com o futuro da saga e como aproveitaria o tempo livre quando deixasse essa história para trás.

Durante concerto como maestro do Young Musician’s Foundation Debut Orchestra, Williams disse: “Nós agora vamos tocar Star Wars, e cada vez que tocamos eu me lembro da primeira vez, há décadas. Nem eu, nem George, nem ninguém envolvido poderia pensar que isso iria tão longe e que em alguns anos teria uma sequência e que eu revistaria os temas.”

“Agora estamos ouvindo falar de mais uma sequência de filmes para 2015, 2016, e eu quero ter certeza de que ainda estou pronto para continuar trabalhando com George”, afirmou. George Lucas, no entanto, não terá função tão importante como antes na saga. Já o diretor J.J. Abrams, por outro lado, costuma convidar o compositor italiano Michael Giacchino para seus projetos.

No próximo domingo, 24, Williams concorre ao Oscar de Melhor Trilha Original pelo trabalho em Lincoln. No ano passado ele foi indicado duas vezes, por As Aventuras de Tintim e Cavalo de Guerra, e a última vez que levou o troféu foi em 1993, por A Lista de Schindler.