Pulse

Conheça os sete artistas brasileiros que gravarão em icônicos estúdios do mundo pelo Converse Rubber Tracks

Projeto WorldWide promove intercâmbio global com 84 bandas patrocinadas e divididas em 12 estúdios diferentes

Redação Publicado em 30/08/2015, às 12h17 - Atualizado em 16/10/2015, às 20h01

Quarteto paranaense Water Rats em cena do clipe de "Butterfly"
Reprodução/Vídeo

Foram anunciadas as bandas que irão gravar em alguns dos mais icônicos estúdios do mundo pela Converse Rubber Tracks. A ação faz parte do projeto WorldWide, que promove um intercâmbio envolvendo 84 bandas e 12 estúdios de diversos países.

Sobe o Som: 10 novos artistas nacionais que você deve conhecer.

Os artistas brasileiros selecionados foram: Côro MC (rapper de Fortaleza), Motor City Madness (banda de rock gaúcha), Water Rats (quarteto de punk de garagem paranaense, foto acima), Sound Bullet (grupo indie/alternativo carioca), Indiscipline (banda de rock carioca), Cândido (banda de indie rock carioca) e Frida (grupo de rock gaúcho).

Todos os sete projetos escolhidos estão em início de carreira e terão de um a dois dias em um determinado estúdio – dos 12 participantes – para realizar as gravações, tudo patrocinado pela plataforma Converse Rubber Tracks. Três dos sete artistas brasileiros foram selecionados para gravar em um estúdio fora do Brasil.

Galeria: 15 discos nacionais lançados no primeiro semestre que você deve ouvir.

O rapper Côro MC, por exemplo, irá ao lendário Sunset Sound, na Califórnia (Estados Unidos), enquanto o Water Rats gravará no Avast Recording Company, em Seattle, no mesmo país. Já os gaúchos do Motor City Madness irão à cidade de Sydney, na Austrália, para o estúdio 301.

As outras bandas selecionadas – Sound Bullet, Cândido – farão sessões no estúdio brasileiro do projeto, o Toca do Bandido, no Rio de Janeiro. Integram o WorldWide o Abbey Road, em Londres (Inglaterra), Hansa Tonstudio, em Berlim (Alemanha), Tuff Gong, em Kingston (Jamaica), Greenhouse, em Reykjavik (Islândia), Warehouse, em Vancouver (Canadá), Stankonia, em Atlanta (Geórgia) e os estúdios norte-americanos do Rubber Tracks, no Brooklyn (Nova York) e em Boston.

Lembre como foi o show do Dinosaur Jr. no Converse Rubber Tracks Live Brasil de 2014.

Recentemente, o Converse Rubber Tracks abriu um estúdio oficial no Brasil, sendo o terceiro – além dos dois norte-americanos – no mundo. O estúdio tomou lugar no Family MOB, na capital paulista, com os equipamentos funcionando cinco dias da semana e disponíveis para uma banda selecionada por dia. As gravações ocorrem sem custo aos músicos, que ficam com os direitos autorais das criações deles.

O Converse Rubber Tracks aconteceu de forma itinerante no Brasil, em 2014, passando por São Paulo, pelo Rio de Janeiro, por Belo Horizonte e pelo Recife. O projeto também trouxe ao país um festival gratuito, com shows de Dinosaur Jr., Busta Rhymes, Brand New, Minus the Bear e Chromeo, entre outros.