Cópia rara de álbum romântico de Gorbachev é vendida por R$330 mil

Ex-dirigente soviético gravou Songs for Raisa com sete canções favoritas de sua esposa, morta há 10 anos

Da redação Publicado em 22/06/2009, às 14h30

O colégio te ensinou que Mikhail Gorbachev foi o Secretário-Geral do Partido Comunista da União Soviética e responsável por reformas que colaboraram para o fim da Guerra Fria. Mas, dificilmente, Gorbachev entrou para a história - pelo menos para as aulas de história - como cantor romântico.

Pois Songs for Raisa, o álbum de estreia do dirigente comunista, com baladas românticas, foi arrematado, em leilão, por US$ 164,940 mil (R$ 330 mil) a um "filantrópico anônimo do Reino Unido", informou o jornal britânico The Guardian. A quantia será revertida à fundação Raisa Gorbachev, destinada a combater a leucemia em crianças - doença que causou a morte da mulher de Mikhail em setembro de 1999, aos 67 anos.

De acordo com o jornal russo Pravda, o evento privado ocorreu na semana passada, em Londres, e contou com 350 convidados - entre eles, a autora da série Harry Potter, JK Rowling; a atriz Vanessa Redgrave; Sarah Brown, a mulher do primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown; o prefeito de Londres, Boris Johnson; e o embaixador da Rússia no país, Yuri Fedotov.

Gorbachev, hoje com 78 anos, também estava lá - e não para ficar com cara de paisagem. O ex-líder soviético subiu ao palco para cantar uma música chamada "Old Letters", presente no álbum - do qual teriam restado pouquíssimas cópias. "A performance foi recebida com deleite e uma tempestade de aplausos", disse Pavel Palazhchenko, presidente dos serviços de imprensa da fundação.

O disco traz sete das canções românticas preferidas de Raisa", explicou Gorbachev, em entrevista coletiva. "Eu mesmo as cantei, com Andrei Makarevich [frontman da Mashina Vremeni, famosa banda de rock na Rússia] tocando a música de fundo."