Corpo de Gregg Allman será enterrado junto ao de Duane Allman

Cerimônia privada irá acontecer neste sábado, 3, na cidade norte-americana de Macon, na Geórgia

Rolling Stone EUA Publicado em 31/05/2017, às 16h51 - Atualizado às 17h46

Gregg Allman, que foi um dos líderes da Allman Brothers Band

Ver Galeria
(2 imagens)

O corpo do músico Gregg Allman será velado em uma cerimônia privada no próximo sábado, 3, na cidade norte-americana de Macon, na Geórgia. Ele será enterrado ao lado do irmão, Duane Allman, e do ex-colega de banda, Berry Oakley, também integrante do Allman Brothers Band.

O músico morreu no último sábado, 27, por complicações de um câncer de fígado. Em 1971, o Allman mais velho sofreu um acidente de moto que causou a morte dele aos 24 anos; no ano seguinte, o baixista Oakley também morreu por lesões sofridas no mesmo tipo de circunstância.

Michael Lehman, ex-empresário do cantor, disse ao Macon Telegraph que a cerimônia de Allman será limitada a um público entre “75 e 100 pessoas”. Mas que os fãs que quiserem prestar homenagem ao músico poderão se juntar a procissão que levará o corpo do cantor da capela Snow’s Memorial para o cemitério Rose Hill.

Na entrevista ao jornal, Lehman também disse que, “por um pedido de Allman”, os presentes deverão usar calças jeans e, caso queiram algo mais arrumado, casacos esportivos. “Sem ternos”, reiterou.

Ainda que os irmãos Allman tenham nascido em Nashville, Macon se tornou a casa da banda no fim dos anos 1960, uma vez que a gravadora Capricorn, a primeira a assinar com Duane Allman, era sediada na já citada cidade da Geórgia. Idlewild South (1970), segundo disco do grupo, também foi parcialmente gravado em Macon.