Courtney Love critica apresentação do Nirvana com Paul McCartney

Viúva de Kurt Cobain não gostou de ver a banda de volta no palco, mas ficou aliviada por não terem tocado nenhuma música antiga

Redação Publicado em 14/12/2012, às 11h44 - Atualizado em 15/12/2012, às 11h59

Courtney Love
AP

Como era de se esperar, Courtney Love não gostou de ver o nome do Nirvana voltar ao palco no evento 12-12-12, realizado nesta quarta, dia 12, em prol das vítimas do furacão Sandy. Sempre crítica e em constantes disputas com Dave Grohl, a cantora, viúva de Kurt Cobain, criticou a apresentação da banda ao lado de Paul McCartney.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Antes da apresentação, ela já havia dito ao site TMZ que "não estava se divertindo" com a possibilidade da reunião acontecer. “Se John estivesse vivo seria legal”, disse ela, se referindo a John Lennon. Suas críticas, no entanto, foram menos ao ex-Beatle e mais aos ex-companheiros de Cobain.

“É melhor Paul levar protetor auricular para não ouvir o baixo”, disse ela em comentário no Facebook, criticando o baixista Krist Novoselic, e acrescentou logo após que achou a performance “ruim”.

De qualquer forma, Courtney mostrou-se aliviada por não ouvir dos músicos alguma música do Nirvana. “Se eles não tocaram canções que não escreveram (as músicas do Nirvana que não lhes pertencem), eu não ligo”. Em vez disso, McCartney, Grohl e Novoselic apresentaram a canção nova “Cut Me Some Slack”.