Courtney Love perde a guarda da filha

Frances Bean, filha de Courtney com Kurt Cobain, passa aos cuidados de avó e tia paternas

Da redação Publicado em 17/12/2009, às 10h13

Courtney Love perdeu a guarda de sua filha com Kurt Cobain, Frances Bean Cobain, confirmou a advogada Geraldine Wyle à Rolling Stone EUA. Wyle representa, além da jovem de 17 anos, Wendy O'Connor e Kimberly Dawn Cobain, respectivamente mãe e irmã do líder do Nirvana, morto em 1994.

Desde sexta, 10, a guarda de Frances Bean está temporariamente sob cuidados de O'Connor e Cobain, conforme documentos publicados pelo site TMZ na segunda, 14.

Love - que, curiosamente, tem no forno o álbum Nobody's Daughter, "filha de ninguém" em português, que será lançado sob o nome de sua antiga banda, o Hole - não estava na corte para ouvir a decisão do juiz.

Confira galeria de imagens da Courtney Love.

O TMZ entrou em contato com Keith Fink, amigo e advogado da viúva de Kurt Cobain, e escutou o seguinte: "Courtney quer dizer que ama muito sua filha e ela é a coisa mais importante em sua vida". Segundo Fink, Love está certa de que a avó se sairá bem tomando conta da adolescente.

De acordo com os documentos, expedidos por uma corte californiana, a transferência da guarda tem como objetivo preservar Frances Bean, tanto pessoal como financeiramente. No primeiro semestre, Love descobriu que desconhecia o paradeiro de cerca de US$ 530 milhões (mais de R$ 1 bilhão) do patrimônio deixado por Kurt Cobain a ela e à filha. Nos últimos anos, Love também precisou se internar, por ordem judicial, em clínicas de reabilitação para dependentes químicos.

A avó e a tia não terão direito de movimentar a conta da adolescente. A decisão legal tem validade até 10 de fevereiro - seis meses antes de Frances Bean completar 18 anos, em 18 de agosto.

Percebe-se nos documentos que a conduta instável de Love teria provocado a transferência da guarda. Ao longo da década, a roqueira de fato se envolveu em consecutivos incidentes, com repercussão midiática garantida. Em 2003, ela foi presa em Los Angeles por tentar quebrar janelas da casa de Jim Barber, ex-empresário e caso amoroso. Pouco depois, a cantora foi tratada por uma overdose acidental do analgésico OxyContin. Na época, Frances Bean foi levada pelo departamento local de proteção à criança e posta sob cuidado da avó, Wendy O'Connor.

Dois anos depois, Courtney Love admitiu que continuava usando drogas, uma violação à condicional imposta pela justiça californiana. Foi então que ela precisou se internar num programa de reabilitação de 28 dias. Ao desrespeitar os termos do programa, acabou condenada a seis meses de reabilitação compulsória. Foi quando começou a compor faixas para Nobody's Daughter, como contou em matéria publicada na Rolling Stone Brasil deste mês.

Conforme contou à RS EUA, seu novo disco (sucessor de America's Sweetheart, de 2004) "tem muito de instinto maternal". Em seguida, citou sua letra preferida, da música que leva o mesmo título do álbum: "Nobody's daughter/ she's never was/ she never will be beholden to anyone/ she cannot kill/ you don't understand how evil we really are" (filha de ninguém/ ela nunca foi/ ela nunca será forçada por ninguém / ela não pode matar/ você não entende o quão malvados nós somos de fato).

"Nem sei o que isso significa de verdade, mas sei que tem algo a ver com a minha filha e também comigo", disse Love.