Criador de Brooklyn Nine-Nine explica final ‘brusco’ da última temporada

Episódio foi ao ar nos EUA nesta quinta, 23

Redação Publicado em 24/04/2020, às 20h32

None
Brooklyn Nine-Nine (Foto: Divulgação / Fox)

Em entrevista à TVLine, Dan Goor, criador de Brooklyn Nine-Nine, comentou o final ‘brusco’ da última temporada que foi ao ar nos EUA nesta quinta, 23.

“Resolvemos o grande arco de Holt durante o ano… e descobrimos que tínhamos uma temporada oito antes que de costume. Então não sentimos que precisávamos de um cliffhanger para convencer os sindicatos da rede de que eles precisam nos manter funcionando”, contou.

+++ LEIA MAIS: Brooklyn Nine-Nine tem episódio em homenagem a Keanu Reeves e John Wick - mas você provavelmente não percebeu

Goor ainda revelou que o final transmitido não era o plano original da equipe: “Também se falou que a cena final poderia ser Jake e Amy segurando o garoto para o esquadrão e dizendo: ‘E nós o nomeamos…’, e então cortaríamos”.

No entanto, eles optaram por "apenas aproveitar" porque "este é um momento sem ambiguidade de alegria".

+++ LEIA MAIS: As 7 piores atitudes de Jake Peralta em Brooklyn Nine-Nine

Criada pela Fox e mais tarde transferida para a NBC, o sitcom mostra o dia a dia de uma delegacia de polícia de Nova York - tipo Law and Order, mas de comédia - e os detetives que trabalham lá.

A série tem sete temporadas, ao todo; as seis primeiras estão disponíveis na Netflix Brasil. A produção foi renovada para uma oitava temporada pela NBC em novembro de 2019.


+++ RUBEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL