Daniel Radcliffe escolhe quem gostaria de interpretar se não fosse o Harry Potter na saga de J.K. Rowling

O ator também contou detalhes sobre o primeiro projeto de longa duração da carreira desde Harry Potter

Redação Publicado em 29/01/2020, às 09h11

None
Daniel Radcliffe (Foto:Willy Sanjuan/Invision/AP)

Daniel Radcliffe revelou qual personagem de Harry Potter gostaria de interpretar se não fosse o protagonista da saga. Em entrevista ao Entertainment Weekly, o ator contou que escolheria os personagens de dois atores admira, David Thewlis e Gary Oldman.

"Oh meu Deus, eu acho que Lupin e Sirius Black são personagens incrivelmente legais. No entanto, devo dizer também que, provavelmente, estou sendo um pouco parcial, porque eu amo os dois atores que interpretam eles. Mas, sim, eu provavelmente diria um desses dois", disse o ator.

+++ LEIA MAIS: Guns Akimbo: Novo filme de Daniel Radcliffe é como Jogos Mortais misturado a Scott Pilgrim; assista ao trailer

Radcliffe também falou sobre o trabalho dele na série Miracle Workers,  que lançou a segunda temporada na terça-feira, 28, pelo canal de televisão TBS. Este é o primeiro projeto do ator desde Harry Potter que contará com um elenco fixo e será desenvolvido ao longo dos anos.

O artista elogiou o trabalho do diretor Simon Rich e disse que se sente seguro para interpretar qualquer personagem que for escrito por ele. 

+++ LEIA MAIS: Daniel Radcliffe fala como a pressão por ser Harry Potter o levou ao alcoolismo

"A alegria de trabalhar com alguém como o Simon é que eu sei se existe qualquer outra pessoa que eu conheço bem o suficiente para apenas confiar e ficar tipo: 'Qualquer coisa que você escrever pelos próximos anos, eu estarei feliz de interpretar' [...] Eu me sinto muito seguro nas mãos dele. Eu faria qualquer coisa que ele escrevesse".

Na primeira temporada da produção baseada no livro What in God's Name, escrito por Rich, o ator interpreta o anjo responsável pelas orações das pessoas na idade média que enfrenta problemas após Deus decidir se isentar das responsabilidades do Céu.


 +++ MELHORES DISCOS BRASILEIROS DE 2019 (PARTE 2), SEGUNDO A ROLLING STONE BRASIL