Datena rebate Bolsonaro e defende jornalistas: 'Bundão é o senhor'

O presidente da República afirmou que jornalista é “bundão” e possui menos chance de sobreviver à covid-19

Redação Publicado em 25/08/2020, às 08h00

None
Datena apresenta canal do Youtube (Foto: Reprodução/Youtube) e Presidente Jair Bolsonaro (foto: Andressa Anholete/ Getty Images)

José Luiz Datena rebateu Jair Bolsonaro após o presidente da República afirmar em uma coletiva de imprensa que jornalista é “bundão” e possui menos chance de sobreviver à covid-19, segundo informações do Uol. 

Durante o programa Brasil Urgente, o apresentador defendeu os colegas de profissão e disse que Bolsonaro é “bundão” por desrespeitar os profissionais dos meios de comunicação. 

+++ LEIA MAIS: Gal Costa, Patrícia Pillar, Lucas Silveira e mais provocam Bolsonaro em onda na web: 'Por que sua esposa Michelle recebeu R$ 89 mil de Fabrício Queiroz?’

“Ele também não pode ofender qualquer cidadão brasileiro da forma como ele ofendeu, seja ele da imprensa ou não. Eu, por exemplo, sou do jornalismo e não sou 'bundão', senhor presidente Bolsonaro. Eu não sou 'bundão'. Agora, o senhor me dá o direito de chamar o Jair de 'bundão', então 'bundão' é o Jair, 'bundão' é o senhor.”

Datenaenfatizou que respeita Bolsonaro e a posição do presidente da República, mas repudia a atitude do representante do país. O apresentador lembrou dos riscos enfrentados pelos jornalistas e falou sobre a importância  trabalho dos profissionais durante a ditadura militar brasileira ou períodos de guerra. 

+++ LEIA MAIS: Bolsonaro diz a repórter: 'Minha vontade é encher tua boca com uma porrada'

“Teve muita gente que perdeu a vida, que deu a sua vida, inclusive durante o regime militar, que deu sua vida fazendo matérias. A imprensa brasileira foi fundamental na mudança desse país em várias oportunidades.”

O apresentador completou: “Já houve correspondentes de guerra, muito mais que o senhor, que o senhor pulava de paraquedas. Não sabia que o senhor era super-herói, salvou gente a 2,5m de profundidade. Mas teve jornalista brasileiro que já foi correspondente de guerra. Como é que o senhor chama toda nossa classe de 'bundões'?”. 

Confira o trecho do programa Brasil Urgente compartilhado na web: 


+++ DELACRUZ SOBRE FILHOS, VIDA E MÚSICA: 'ME ENCONTREI NO AMOR, NA FAMÍLIA, NO LADO BOM'