Pulse

Dave Grohl discute teoria sobre a morte de Paul McCartney

Em recente entrevista, o músico falou sobre a conspiração acerca do icônico vocalista e guitarrista dos Beatles

Redação Publicado em 19/10/2019, às 11h00

None
Dave Grohl (Foto: Greg Allen/AP)

Em uma recente entrevista para a rádio britânica, BBC, Dave Grohl, do Foo Fighters, comentou sobre a suposta morte do icônico vocalista e baixista, Paul McCartney do lendário quarteto. 

Em setembro de 1969, um boato sobre a morte do artista se espalhou nos Estados Unidos e com base nas músicas seguintes e capa dos álbuns, esse caça às pistas em poucas semanas se tornou um fenômeno internacional.

+++ LEIA MAIS: Baterista do Foo Fighters anuncia novo disco com participação de Dave Grohl, Roger Taylor e Duff McKagan

"A canção 'I Am The Walrus' provocou muitas controvérsias e alimentou a teoria da conspiração que era sobre a morte e a substituição de Paul McCartney por um sósia dele", diz Grohl.

Ele acrescenta: "Quando as pessoas ouvem essa música, a teoria é alimentada apenas pelas letras, mas quando eu escuto, ouço as nuances sutis da engenharia brilhante que foi usada para fazer esse disco." 

+++ LEIA MAIS: Beatles: de madrugada, policiais londrinos param para tirar foto na Abbey Road

Durante a entrevista, Grohl também falou sobre o primeiro contato com os Beatles

"Eu nunca tinha escutado um disco de rock e roll, sabe? Esta foi a minha introdução no rock e tenho este álbum na minha casa até hoje. Me lembro daquela noite, quando voltei para casa, deitei na minha cama para dormir e ficava cantando os 'na-na-nas' no final da música. Estava tão preso na minha cabeça que eu não conseguia dormir".

O músico citou recentemente que se emocionou ao ouvir  "In My Life" no funeral de Kurt Cobain.