Dave Grohl diz que nova música do Foo Fighters é homenagem a Lemmy Kilmister

'Eu queria que ele estivesse vivo para ouvi-la', desabafou Ghrol

Redação Publicado em 20/01/2021, às 08h52

None
Dave Grohl do Foo Fighters (Foto: Renan Olivetti/ I Hate Flash)

Dave Grohl, vocalista e guitarrista do Foo Fighters, disse que a nova música da banda, No Son of Mine, é uma homenagem a Lemmy Kilmister, vocalista e baixista do Motörhead, falecido em 2015. 

"Eu queria que o Lemmy estivesse vivo para ouvi-la, porque ele veria quanta influência ele tem sido para mim", exclamou Dave Grohl em recente entrevista à OK! Magazine

+++LEIA MAIS: Foo Fighters e Bruce Springsteen são confirmados em posse de Joe Biden

No Son of Mine é o segundo single do próximo álbum de inéditas do Foo Fighters, Medicine at Midnight, que será lançado em 5 de fevereiro. 

Sobre a canção, Grohl explicou que ela começou com um swing meio country, mas logo decidiram rumar para uma direção mais agressiva. "Isso a transformou em riffs poderosos", afirmou.  

Outra música do novo álbum que Grohl destacou foi Cloudspotter, a terceira faixa do trabalho. "É um hino para os pessimistas", disse ele, e continuou: "Um cloudspotter é alguém que encontra conflito ou dificuldade em tudo e não tem esperança. É uma espécie de canção de amor distorcida para alguém com essa visão pessimista e negativa de tudo". 

Questionado se Grohl seria um cloudspotter, ele respondeu: "Eu sou o tipo de pessoa que diz: ‘OK, vamos resolver isso’, se eu tiver um problema". 

+++LEIA MAIS: Novo single do Foo Fighters traz reflexão sobre guerra; entenda o significado de 'Waiting on a War'


+++ PÉRICLES | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL