Pulse

Dave Mustaine opina sobre o rótulo de deus do Heavy Metal

Ele ainda revelou que já convidou Slash para tocar no Megadeth com ele

Redação Publicado em 28/03/2019, às 16h38

None
Dave Mustaine, vocalista e guitarrista do Megadeth (Foto: Leandro Anhelli)

Dave Mustaine foi o convidado do novo episódio de Appetite for Distortion, podcast que fala sobre música, e falou sobre seus apelidos de “deus”.

O músico disse que não gosta muito quando o chamam de “deus da guitarra” ou “deus do heavy metal”. “Não quero ser chamado de deus. Isso me deixa desconfortável, porque sabe, sou só um cara”, disse o vocalista do Megadeth.

“Eu amo meu trabalho, e tenho muito orgulho de ser bom nisso. Mas eu também sei que tem caras muito melhores que eu”, declarou Mustaine.Zakk [Wilde, do Black Label Society], por exemplo… Ele é um guitarrista incrível. E Eric Johnson, ele é um dos meus favoritos. Joe Satriani é uma das melhores do mundo. E Dweezil Zappa, um músico e pessoa incrível”, enumerou, destacando seus guitarristas favoritos.

Dweezil tem me ajudado com minha música. Eu fui pra um show outro dia, e Dweezil estava mexendo no amplificador e o Eric Johson estava tocando minha guitarra, e eu pensei ‘cara, eu morri e fui pro céu, olha só isso!”, relembrou.

Dave também falou sobre os rumores de que Slash tentou entrar para o Megadeth. “Nós somos amigos, mas ele não fez testes para entrar no Megadeth. Mas ele foi convidado. Ele e David Ellefson [baixista do Megadeth] já tocaram juntos várias vezes, e era divertido. Ele gosta de tocar com o David, e de tocar  comigo, e eu achava que seria ótimo”, revelou.