David Carradine, o Bill de Kill Bill, é encontrado morto

Corpo foi achado em quarto de hotel em Bancoc; ator estava no país para gravar um filme

Da redação Publicado em 04/06/2009, às 12h59

David Carradine, intérprete do alvo de Uma Thurman nos dois volumes de Kill Bill, de Quentin Tarantino, foi encontrado morto nesta quinta, 4, em um quarto de hotel de luxo em Bancoc, Tailândia. Segundo a rede britânica BBC, uma camareira do estabelecimento descobriu o corpo do ator de 72 anos em um roupão e sentado, com uma corda em torno do pescoço.

O ator, que trabalhou em mais de 100 filmes (de Martin Scorsese a Ingmar Bergman), foi estrela da série de TV dos anos 1970 Kung Fu. Neste mês, estava no país para gravar o filme Stretch, afirmou seu agente, Chuck Binder, que se disse chocado pela notícia. "Ele era cheio de vida, sempre querendo trabalhar... Uma pessoa maravilhosa."

Carradine vinha de uma linhagem estrelada no cinema. Irmão dos também atores Keith, Bruce e Robert, a relação com a sétima arte é herança do pai, John Carradine, estrela de filmes de horror e faroeste.

Um porta-voz da embaixada norte-americana na Tailândia declarou, à agência de notícias Associated Press, que o ator morreu entre quarta, 3, e a manhã desta quinta. "Em consideração à família", recusou-se a dar mais detalhes. A suspeita é de que Carradine tenha cometido suicídio por enforcamento.