David Cassidy revela que foi diagnosticado com demência

O cantor de 66 anos, popular no início dos anos 1970 e pelo papel em A Família Dó-Ré-Mi, pretende parar de fazer turnês

Rolling Stone EUA Publicado em 21/02/2017, às 14h43 - Atualizado às 16h32

David Cassidy
AP

David Cassidy, conhecido por sucessos no início dos anos 1970, além de ter ficado popular graças ao papel na série A Família Dó-Ré-Mi, revelou na última segunda, 20, que tem demência, segundo a agência Reuters. O avô e a mãe do artista também tiveram a doença. “Eu estava em negação, mas parte de mim sempre soube que isso estava vindo”, disse o cantor de 66 anos à People.

A decisão de tornar o diagnóstico público veio, em parte, por causa de uma recente apresentação no estado norte-americano da Califórnia, durante a qual ele esqueceu a letra de algumas de suas músicas clássicas. De acordo com a Reuters, a plateia do show também gravou vídeos de Cassidy aparentemente caindo ao lado de um palco baixo. O cantor pretende parar de fazer turnês. “Eu quero focar em o que eu sou, quem eu sou e como eu estou sem distrações”, ele disse à People. “Eu quero amar. Eu quero aproveitar a vida.”

Cassidy chegou várias vezes ao topo das paradas dos Estados Unidos no início dos anos 1970 com hits como “Cherish” e “How Can I Be Sure”. Ele continuou a ter sucesso no Reino Unido após a queda de popularidade no continente americano, e voltou ao topo das paradas em 1990 com “Lyin to Myself”.

Recentemente, a vida pessoal de Cassidy tem atraído mais atenção do que a música dele. Ele foi acusado de dirigir embriagado em 2010, 2013 e 2014, quando passou algum tempo na reabilitação. No ano seguinte, ele anunciou falência e foi acusado de atropelar uma pessoa e abandonar a cena do acidente.