Coringa, Thanos, Loki, Magneto: 7 supervilões de filmes de heróis que aprendemos a amar [LISTA]

Apesar dos mocinhos quase sempre vencerem, há vários vilões pelo quais o público não consegue não torcer

Redação Publicado em 12/01/2020, às 15h00

None
Coringa, Thanos, Loki, Magneto: 7 supervilões de filmes de heróis que aprendemos a amar [LISTA]

Coringa, Thanos, Loki, Magneto: esses são personagens que conseguem, em maior ou menos quantidade, mudar o centro emocional  filmes de heróis, geralmente centrado nas figuras dos herói. Alguns vilões, contudo, são tão carismáticos ou possuem causas tão instigantes que é impossível não torcer por eles também.

Seja por uma história de vida sofrida, uma motivação que no fundo pode ser nobre também ou simplesmente pela pose e simpatia, listamos alguns supervilões do cinema de heróis que tem a maior torcida.


Coringa


O Coringa é incrivelmente brutal e malvado, mas é bom nisso como ninguém. A personalidade insana, o humor escrachado e o jeito como o Coringa aparenta adorar ser um vilão dão para ele um carisma difícil de se igualar, mesmo que ele seja péssimo.

+++LEIA MAIS: Morte do Coringa e drogas: 7 revelações do novo trailer Aves de Rapina [LISTA]

Além disso, histórias como A Piada Mortal ou o Coringa de Joaquin Phoenix passam uma visão mais humana do Palhaço do Crime, e levantam a possibilidade dele ser uma pessoa que apanhou muito da vida e ficou completamente quebrado por isso, o que desperta compaixão em muita gente.


Thanos


Sim, o Titã Louco foi um dos maiores e mais perigosos vilões do MCU, e matou metade de todas as criaturas vivas do universo, mas vários apontaram que ele tinha um pouco de razão. Seja por brincadeiras de fãs que desejam que o transporte público seja menos lotado ou que as pessoas que jogam lixo no chão desapareçam, o discurso dele tinha lá argumentos interessantes.

A atuação consistente e intimidadora de Josh Brolin, além dos incríveis efeitos visuais que dão vida a Thanos também são motivo de admiração. O personagem foi com certeza um dos grandes vilões do cinema nos últimos anos.


Duende Verde 


Um das aparições mais antigas da lista, oDuende Verde de Homem-Aranha (2002) marcou época pela representação bem pitoresca de Willem Dafoe. O visual quase carnavalesco, as lutas com troca de piadas contra o Peter Parker de Tobey Maguire, essa versão de Norman Osborne é um estilo clássico de vilão das HQs.

+++LEIA MAIS: Diretor abandona o filme Doutor Estranho: no Multiverso da Loucura; entenda

Fica o destaque para as caras e bocas de Willem Dafoe, que conseguem ser mais assustadoras e convincentes como o Duende Verde do que a máscara da fantasia dele. Apesar do público sempre torcer para o Homem-Aranha no final, é muito divertido ver o Duende na tela. Pena que ele não aparece nos filmes seguintes.


Loki 


O personagem de Tom Hiddleston no MCU conquistou o público com o senso de humor e o carisma. A esperteza e as soberba de Loki o fazem tão divertido de assistir que nem dá para ficar zangado quando ele engana Thor.

A popularidade do personagem é tamanha que ele se redimiu em Thor: Ragnarok (2017), morreu nas mãos de Thanos em Vingadores: Guerra Infinita (2018) e irá voltar para protagonizar uma série no streaming Disney+.


Síndrome (Os Incríveis)


Mesmo criado pela Pixar para ser um vilão simples e com visual amigável para as crianças, a motivação do Síndrome é muito compreensível e convincente. Bochecha foi ignorado pelo Sr. Incrível quando criança por não ser especial, apesar de grande habilidade para inventar, e isso moldou a vida dele.

+++LEIA MAIS: Depois dos fracassos de Batman vs Superman e Liga da Justiça, Warner usará inteligência artificial para escolher próximos filmes

Quem sabe, se ele não tivesse sido tratado melhor pelo ídolo quando pequeno, ele não teria se tornado um criador inventor de soluções tecnológicas e coisas boas, ao invés de um gênio do mal? Novamente em um filme da Pixar há temas complexos por baixo da camada de diversão.


Magneto


Magneto é a face oposta da moeda do Professor X. Ambos buscam os direitos e a liberdade dos mutantes, mas Xavier quer conquistá-la pela paz, enquanto o mestre do magnetismo usa a força.

Magneto tem um argumento convincente, apenas responde a violência que a espécie dele sofre com igual violência, mas a arrogância e a maneira que ultrapassa os limites morais definem como ele é mal. Temos que dar pontos também as interpretações de Ian McKellen e Michael Fassbender do personagem, que fazem o público acreditar no vilão.


Ozymandias (Watchmen)


Adrian Veidt
é considerado o homem mais inteligente do mundo, e atua como um empresário bilionário e como o vigilante Ozymandias na HQ, filme e série de Watchmen. Apesar de se revelar como o arquiteto de um grande mal, ele explica que o plano dele serve para acabar com a ameaça nuclear da guerra fria e unir as nações.

+++LEIA MAIS: Meme: Fã da Marvel reúne todas as vezes que a bunda do Capitão América aparece em Vingadores: Ultimato; veja

A postura de achar ser capaz de organizar a paz mundial, a lógica doentia e arrogância sofisticada de Ozymandias dão um apelo ao personagem que gera uma admiração no público, mesmo que ele atue como um vilão boa parte do tempo. Um destaque vai para a interpretação de Jeremy Irons de uma versão mais velha e amargurada de Veidt na série Watchmen, da HBO.


+++ CORUJA BC1: 'FAÇO MÚSICA PARA SER ATEMPORAL E MATAR A MINHA PRÓPRIA MORTE'