Depois de Bohemian Rhapsody, Elton John é celebrado no Globo de Ouro 2020 e mostra que Hollywood ama cinebiografias

Rocketman vendeu dois Globos de Ouro na cerimônia realizada neste domingo, 5

Redação Publicado em 06/01/2020, às 00h42

None
Rocketman e Bohemian Rhapsody

O ano de 2019 foi de Bohemian Rhapsody, Freddie Mercury e Rami Malek. Já 2020 é de Rocketman, Elton John e Taron Egerton. O filme baseado na história do Queen venceu os dois Globos de Ouros aos quais estavam indicados. Com 3 indicações, Rocketman encerra a noite deste domingo, 5, também com dois prêmios.

+++ LEIA MAIS: Game of Thrones, Olhos que Condenam e mais: As esnobadas do Globo de Ouro 2020 

O primeiro prêmio da noite para Rocketman foi para a música "I'm Gonna Love Me Again", uma composição inédita do duo Elton John e Bernie Taupin que derrotou, entre outras, "Spirit", de Beyoncé, para a trilha de O Rei Leão, na categoria melhor canção original para filme.

Elton John foi aplaudido de pé pelos atores, produtores e demais integrantes da plateia que presencia o Globo de Ouro 2020.

Depois, foi a vez de Taron Egerton, que interpreta Sir Elton no longa. "Queria ter escrito um discurso", disse ele, ao se tornar vitorioso na categoria de melhor ator em filme - comédia ou musical.

"Terei orgulho desse filme para o resto da minha vida", discursou o ator. "Gostaria de agradecer ao Elton John por viver uma vida pouco comum. E por ser meu amigo."

A única derrota sofrida por Rocketman foi na categoria de melhor filme - comédia ou musical. Nela, o vencedor foi Era um Vez... Em Hollywood. 

A temporada de premiações tem início com Globo de Ouro 2020 neste domingo, 5. A cerimônia acontece em Beverly Hills, Los Angeles, a partir das 22h (horário de Brasília). No total, serão 25 categorias premiadas, sendo 14 delas de cinema e 11 de TV.

História de um Casamento, com Adam Driver e Scarlett Johansson, lidera com seis indicações.