Devo pede doações para ajudar família de Bob Casale

O guitarrista fundador da banda morreu sem deixar um testamento ou seguro de vida

Rolling Stone EUA Publicado em 04/03/2014, às 17h21 - Atualizado às 17h35

Bob Casale
Katy Winn/AP

Quando o guitarrista do Devo, Bob Casale, morreu repentinamente, vítima de uma insuficiência cardíaca, no mês passado, ele não deixou para trás um testamento ou seguro, criando grandes dificuldades financeiras para a esposa e os filhos. “Esses gastos não são apenas com o funeral”, diz a mensagem postada pelo webmaster do Devo, Michael Pilmer. "São também relativas às despesas recentes com médicos e hospital, além de despesas da família em geral, na ausência de Bob. Isso foi um baque para os Casale. Estamos fazendo o possível, como amigos, para amortecer o impacto da morte prematura de Bob.”

Morre Alan Myers, baterista do Devo de 1976 a 1985.

Foi criado um fundo no site de crowdfunding GoFundMe com o objetivo de arrecadas US$ 100 mil para a família de Casale.

Casale foi o guitarrista fundador do Devo, tendo tocado em todos os discos e shows da banda nos últimos 40 anos. "Ele era uma das cinco marchas do Devo que fazia com que o motor funcionasse”, declarou o irmão dele e colega de banda Jerry Casale à Rolling Stone EUA. "Ele ajudou a criar um conjunto de obra que colocou o “new” [novo] em New Wave e mudou a forma como muitas pessoas pensavam sobre a música e muitas das ideias que elas tinham sobre cultura."

Antes de ele morrer, o grupo dono do hit “Whip it” estava considerando fazer uma turnê comemorativa dos 40 anos de carreira, que teria como foco o trabalho experimental realizado por eles nos primeiros anos, como "Mechanical Man" e "Space Girl Blues". Se o grupo resolver ir em frente com a turnê, uma porção desse dinheiro iria para a família de Bob.