Diretor de House Of Cards, James Foley deve comandar sequência de Cinquenta Tons de Cinza

Cinquenta Tons Mais Escuros tem estreia prevista para fevereiro de 2017

Redação Publicado em 21/08/2015, às 14h09 - Atualizado às 14h48

O ator Jamie Dornan em cena do filme Cinquenta Tons de Cinza

Ver Galeria
(3 imagens)

Diretor de diversos episódios de House Of Cards, o veterano James Foley é o nome mais cotado para comandar a sequência cinematográfica de Cinquenta Tons de Cinza, batizada como Cinquenta Tons Mais Escuros, com estreia prevista para fevereiro de 2017.

Sexo chocho e ator sem carisma destroem apelo de Cinquenta Tons de Cinza: leia a crítica.

A diretora do primeiro filme da cinessérie, Sam Taylor-Johnson (O Garoto de Liverpool), já revelou que não seguirá no comando dos dois longas-metragens que serão feitos. De acordo com o The Hollywood Reporter, Foley é o favorito para o posto, que ainda tem como candidatos Mark Pellington e Tanya Wexler.

No cinema, James Foley tem no currículo trabalhos como Quem É Essa Garota? (1987), com Madonna no papel principal, e O Sucesso a Qualquer Preço (1992), com Al Pacino. Na TV, ele dirigiu episódios de Wayward Pines e Hannibal, além de House Of Cards, entre outros.

Adaptação de Cinquenta Tons de Cinza torna a história mais palatável para o público masculino, mas não faz milagre.

O primeiro longa da cinessérie, que estreou em fevereiro deste ano e foi protagonizado por Jamie Dornan e Dakota Johnson, arrecadou em menos de dois meses de exibição mais de US$ 568,8 milhões (mais de R$ 1,7 bilhão) no mundo todo.

Os filmes são baseados na trilogia literária Cinquenta Tons, da escritora britânica E.L. James, que vendeu mais de 125 milhões de cópias em todo o mundo. Grey, a mais recente obra da escritora, contada pelo ponto de vista do personagem Christian Grey, foi lançada este ano.